Debate

Motorista de app é acusado de trocar cachorro quente ‘gourmet’ por podrão e viraliza

Redação Hypeness - 27/08/2020

Uma cliente assídua do restaurante Tate’s Artesanal, no Rio de Janeiro, recebeu um pedido um pouco diferente do costumeiro depois que um motorista de app trocou seu cachorro-quente gourmet por um “podrão” comprado em barraquinha na rua. A história ficou famosa no Twitter. 

De acordo com Cláudia Gomes, dona do restaurante, o motorista da 99 Táxi identificado como Ian Cury colocou outro produto na embalagem que foi entregue a uma cliente na noite de domingo. 

– Motoristas em MG são agredidos, pasmem, por exigirem que passageiros usem máscaras

“A Renata [cliente] ligou e mencionou que mandamos o cachorro-quente errado. Por um momento, achei que tivesse trocado mesmo, pois tínhamos recebido outros pedidos, mas ninguém havia reclamado. Fui achando estranho, pois a Renata disse que o cachorro-quente tinha milho e o sanduíche não leva milho. Pedi que ela mandasse uma foto e tive certeza que não havia a menor possibilidade daquele cachorro-quente ser nosso”, disse Claudia.

– Ford cria ‘jaqueta de emoji’ para ciclistas poderem se comunicar com motoristas

A foto mostrava um cachorro quente feito no pão de leite, um tipo encontrado facilmente em supermercados, enquanto os pães do restaurante de Cláudia são artesanais e feitos sob encomenda.

A cliente Renata Ávila, 34, representante comercial de material hospitalar e alimentos, contou ao UOL que selecionou de forma equivocada o serviço 99 Pop e não o 99 Entrega, mas que o motorista aceitou entregar o pacote, então ela achou melhor não trocar o pedido e confiou no profissional. 

– De ‘shorts Anitta’, Bruna Linzmeyer responde motorista que assediou menor de idade

Segundo ela, o motorista demorou mais do que o normal para percorrer o trajeto, fez outro caminho e, em certo ponto, até passou um bom tempo com o caso parado. Por fim, quando chegou no seu endereço, tinha uma lata de refrigerante na mão.

“Fui acompanhando ele. Fez um trajeto diferente, a corrida que era para dar R$ 14, deu R$ 23, ele me deu um desconto alegando que parou em um posto de gasolina. Peguei o pacote sem imaginar o que tinha acontecido. Percebi que o pão não era o mesmo, mas achei que as meninas estavam sem o pão delas, mas vi que o sanduíche não estava bacana. Conversamos e chegamos a essa conclusão. Questionei a vantagem financeira que ele teve, mas nem me respondeu”, disse Renata.

– São Paulo anuncia integração entre Uber e transporte público

Segundo Cláudia, também em entrevista para o UOL, a cliente pede sempre em seu restaurante, que mantém uma relação de confiança com ela. Mas, em outra situação, seu negócio poderia ter sido muito prejudicado. “Imagina se fosse um cliente novo, o primeiro pedido? Pede um sanduíche artesanal e recebe um cachorro-quente de pão de leite comum de barraquinhas? Essa pessoa pode se sentir enganada e colocar nas redes sociais. Isso poderia prejudicar a gente. Ela pediu um sanduíche no pão preto com gergelim de 17 cm, cebola caramelizada, maionese de bacon, parmesão fresco ralado, cheddar e calabresa e chegou um cachorro quente em outro formato, com outro ingredientes”, contou Claudia.

A proprietária do restaurante contou ainda que o estabelecimento trabalha com serviços de entrega por aplicativo, mas que o carro do APP da 99 foi chamado pois a cliente mora em um bairro que não é atendido pelas entregas. “Ela gasta o valor do sanduíche mais o valor da entrega para poder ter um produto nosso”.

– Uber decide punição de motorista que agrediu passageiras trans

Após constatar que o sanduíche foi substituído pelo motorista, Claudia mandou entregar outro cachorro quente para a cliente que havia acabado de chegar de viagem.

Motorista já foi meme na internet

Indignada, Cláudia começou uma busca por Ian Cury nas redes sociais e acabou descobrindo que ele já foi famoso na internet.Em 2013, ficou conhecido após divulgar um vídeo que flagrou a reação da namorada ao fingir que estava terminando o relacionamento. O link teve mais de 20 milhões de acesso.

– Uber vai permitir que motoristas mulheres transportem apenas passageiras

O motorista ainda não se pronunciou publicamente. As donas do estabelecimento também entraram em contato com Ian, que teria dito que não tinha obrigação de fazer entregas e que se ele quisesse nem precisava ter se dado ao trabalho de entregar, já que ele esperava levar um passageiro e não um pacote.

Já a 99 Táxi informou que o motorista será banido da plataforma. “A 99 lamenta o ocorrido e esclarece que tal comportamento vai contra os Termos de Uso do aplicativo, por isso, o motorista parceiro foi bloqueado”, informou a empresa.

Publicidade

Fotos: Reprodução / Twitter


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Warning: file_put_contents(/var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/functions/cache/twitter-stream-hypeness.txt): failed to open stream: Permission denied in /var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/functions/social.php on line 410


X
Próxima notícia Hypeness:
Justiça aceita denúncia de crime de LGBTfobia contra humorista ex-‘Pânico’