Ciência

Nasa atende Black Lives Matter e vai excluir apelidos racistas de galáxias

Redação Hypeness - 18/08/2020 | Atualizada em - 20/08/2020

A comunidade científica internacional costuma adotar apelidos para se referir a objetos cósmicos. Planetas, galáxias, nebulosas, meteoros e outros elementos astronômicos ganham nomes oficiais, mas acabam recebendo alcunhas externas de fácil referenciação — porém frequentemente problemáticas. Por conta disso, a Nasa decidiu reavaliar e eliminar nomes não oficiais de cunho preconceituoso

Nasa está preparando esta menina de 17 anos para ser o primeiro humano a pisar em Marte

A nebulosa NGC 2392 em registro feito pelo telescópio Hubble, em 1999.

A iniciativa vem como forma da agência aeroespacial mostrar seu comprometimento com a diversidade, equidade e inclusão. A agência se compromete a utilizar apenas termos designados pela União Astronômica Internacional quando os apelidos tiverem origem desrespeitosa.

Entre as primeiras medidas, a nebulosa oficialmente conhecida como NGC 2392, uma estrela parecida com o Sol que se aproxima do fim da vida, vai parar de ser chamada de “nebulosa esquimó”. A referência tem origem racista no termo colonial usado para subjugar povos indígenas da região do Ártico. A Nasa também não vai mais chamar de “galáxias siamesas” o par de galáxias espirais NGC 4567 e NGC 4568, encontradas no conjunto de galáxias de Virgem. 

Telescópio mostra as imagens mais detalhadas já vistas da superfície do sol

As galáxias espirais NGC 4567 e NGC 4568.

Apoio nossa contínua reavaliação dos nomes pelos quais nos referimos a objetos astronômicos”, disse Thomas Zurbuchen, administrador associado do Diretório de Missão Científica da Nasa, em comunicado oficial

Nosso objetivo é que todos os nomes estejam alinhados com nossos valores de diversidade e inclusão. Trabalharemos proativamente com a comunidade científica para ajudar a garantir isso. A ciência é para todos, e todas as facetas do nosso trabalho precisam refletir esse valor.

Imagens inéditas de sonda da Nasa mostram ‘fogueiras’ na superfície do Sol

Publicidade

Foto 1: Andrew Fruchter /Nasa / Foto 2: CHART32 Team Processing/Johannes Schedler


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Warning: array_map(): Expected parameter 2 to be an array, bool given in /var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/part/publicidade/outbrain.php on line 2

Warning: array_intersect(): Expected parameter 2 to be an array, null given in /var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/part/publicidade/outbrain.php on line 11

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.


Warning: file_put_contents(/var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/functions/cache/twitter-stream-hypeness.txt): failed to open stream: Permission denied in /var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/functions/social.php on line 410


X
Próxima notícia Hypeness:
Dubai usa drones para dar ‘choque’ em nuvens e provocar chuva