Debate

Líder religioso que culpou gays por pandemia testa positivo para coronavírus

por: Redação Hypeness

O líder de uma igreja ortodoxa da Ucrânia, Mykhailo Antonovych Denysenko, conhecido como Patriarca Filaret, foi diagnosticado com a covid-19, doença que, segundo ele, seria uma “punição divina”, para homossexuais. 

De acordo com o site MSN, ele foi internado em um hospital, em condição estável. Não foi esclarecido como ele contraiu a doença.

– Israel: rabino que definiu Covid-19 como ‘castigo divino a gays’ está com coronavírus

O líder de uma igreja ortodoxa da Ucrânia, Patriarca Filaret, foi diagnosticado com covid-19

Em nota, divulgada na última sexta-feira (4), a igreja afirma que “sua santidade está recebendo tratamento hospitalar. Sua condição de saúde é satisfatório. Pedimos orações por sua saúde e recuperação”.

– Padre deseja que fiéis que não vão às missas em meio à pandemia ‘morram antes da vacina’

Em março, nos estágios iniciais da pandemia, ele afirmou que a doença é “a punição de Deus pelos pecados do homem, pelos pecados da humanidade”. Ele acrescentou: “Estou falando de casamento entre pessoas do mesmo sexo”. Na época, a igreja apoiou suas declarações, dizendo que seu líder tem liberdade para se expressar.

– Morre pastor que chamou pandemia de coronavírus de ‘histeria’ e participou de carnaval

A Ucrânia teve uma situação de controle da pandemia, mas agora registra mais de 2 mil casos diários do coronavírus. Mais de 3 mil ucranianos morreram.

Publicidade

Foto: Getty Images


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Aluno que matou professor na França já tinha postado fotos de decapitação