Debate

Maisa diz que parou de comer carne e dá dicas de filmes relacionados ao vegetarianismo

por: Karol Gomes

Em um vídeo divulgado nesta terça-feira (29) no canal oficial da Netflix no YouTube, a apresentadora Maisa Silva falou sobre uma importante mudança de hábito: ela se tornou vegetariana. Ela também deu dicas de filmes e documentários relacionados ao tema que estão disponíveis na plataforma de streaming.

“O nome do meu estilo é ovolactovegetariano, ou seja, não como carne, mas como derivados dos animais, como o mel, ovo, o leite, laticínios. Só não como carne mesmo”, explicou a jovem, explicando que descartou carne de boi, porco, aves e peixes. 

– Maisa grava vídeo sobre angústias da transição capilar: ‘Mexe muito com minha autoestima’

A intenção do vídeo é ter Maisa respondendo perguntas dos fãs acerca do assunto. Dentre outras questões, ela revelou como decidiu se tornar vegetariana – o incentivo veio de um filme. 

– Maisa critica perguntas sobre vida sexual: ‘Sou figura pública, mas meu corpo não’

“Parei depois de ter assistido ao filme Okja e me deu meio que um estalo, fiquei com dó dos bichinhos. Fiquei um mês sem comer carne, em fevereiro de 2018, e tirei como conclusão que ficaria ‘de boa’ sem carne vermelha”, contou no vídeo.

Porém, Maisa conta que acabou voltando a comer carne, frango e peixe. Sete meses depois, em setembro, ela começou a se sentir mal. “Fiz alguns exames. Descobri que eu não era intolerante a lactose, apesar da minha barriga ficar estufada e até vomitava. Quando cortei a carne, parei de passar mal. Então, saudades de comer um bife, uma picanha? Sim, mas eu não vou continuar comendo carne vermelha se me faz mal”, afirmou. 

– Maisa celebra adiamento do Enem e diz que ‘nossa campanha está funcionando’

A decisão de parar de comer qualquer tipo de carne de origem animal se consolidou em agosto do ano passado, quando deixou os peixes e frutos do mar de lado. Ela deixou claro ainda que todo o seu relato é inspirado na sua jornada pessoal. “Meus pais comem carne, meus amigos, e não passam mal. É a minha experiência, tá?”, disse. 

– Maisa desabafa sobre seguidor que mandou ela se matar: ‘Me corta o coração’

A apresentadora esclareceu que está substituindo as proteínas da carne por legumes que tenham a mesma quantidade do nutriente. Maisa também disse que virou vegetariana com “total responsabilidade”, com apoio de uma nutricionista. 

Maisa contou ainda que, além dos benefícios para a saúde, também está mais ligada nas questões ambientais relacionadas ao consumo de carne e que, por isso, está fazendo sua parte. “Apesar de não ser vegana, me apeguei muito à causa e descobri novos sabores. A gente é educado a comer de uma forma muito quadrada e a pensar que tudo o que é vegetariano é caro ou ruim, sendo que não”, acrescentou. 

Publicidade

Foto: Reprodução / Youtube


Karol Gomes
Karol Gomes é jornalista e pós-graduada em Cinema e Linguagem Audiovisual. Há cinco anos, escreve sobre e para mulheres com um recorte racial, tendo passado por veículos como MdeMulher, Modefica, Finanças Femininas e Think Olga. Hoje, dirige o projeto jornalístico Entreviste um Negro e a agência Mandê, apoiando veículos de comunicação e empresas que querem se comunicar de maneira inclusiva.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Disney coloca aviso de conteúdo preconceituoso em alguns de seus filmes clássicos