Debate

Médica brasileira reclama do machismo que a impede de trabalhar após participar de ‘Miss Bumbum’

por: Redação Hypeness


A médica brasileira Rayane Laura Souza, que representou a França no Miss Bumbum World 2019 e foi vice-campeã do concurso, está sofrendo com o machismo. Em entrevista ao portal estadunidense Daily Star, a profissional de saúde reclamou do sexismo que a impede de trabalhar após ter participado do campeonato de beleza.

– Menina com Down vence concurso de beleza infantil em Santa Catarina

Médica brasileira foi vice campeã do Miss Bumbum World 2019 e tem sofrido ataques nas redes sociais por puro machismo

Hoje moradora da Bolívia, ela se formou médica mas tem sido descreditada da profissão (de alto reconhecimento no mercado) por ter participado de um concurso de beleza. Além de ser vítima frequente de objetificação, Rayane também tem tido dificuldade em alcançar um posto de trabalho no exercício da medicina.

Nas redes sociais, homens comentam em postagens da médica insinuações de que a profissão é incompatível com a exibição do próprio corpo o que, naturalmente, não faz sentido. “Medico é uma profissão que exige respeito e decência. Se fosse para as médicas mostrarem o rabo não era obrigatório o uso do jaleco”, escreveu um internauta. Outros ainda duvidam que ela de fato tenha se formado: “Duvido que tenha estudado. Precisa investigar isso aí”, disse.

– Candidata abandona concurso internacional de beleza depois de ouvir que deveria perder peso

“O fato de eu ser uma mulher bonita e ter participado do concurso faz com que eu sofra preconceito no trabalho. Adoro mostrar minha sensualidade nas redes sociais, mas isso não significa que eu não seja uma grande profissional dentro do hospital”, afirmou a brasileira ao Daily Star.

Não são só críticas, entretanto. Há internautas que apoiam a carreira de Rayane:  “Diversão, beleza e outros atributos nada tem a ver com competência”, escreveu uma usuária. “Vim aqui pra dizer que você pode ser dona de um bumbum lindo e ser uma médica f*da!”, afirmou outra internauta.

Com mais de 200 mil seguidores nas redes sociais, ela afirma que pode procurar uma nova carreira e se mudar para os EUA. “Meu diploma sempre vai estar ao meu lado e minha especialização já está encaminhada. Mas, quem sabe, posso acabar indo morar nos EUA e estudar cinema, algo que sempre quis”, contou ao jornal.

View this post on Instagram

?

A post shared by Rayane Laura Souza ??? (@rayanelaura_souza) on


 

Publicidade

Fotos: Reprodução/Instagram


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Xuxa reúne famosos em resposta a Sikêra Jr: ‘sexo com animais e crianças é estupro’