Futuro

Candidato a vereador vai plantar uma árvore para cada voto que receber em Dourados

por: Vitor Paiva

O combate às mudanças climáticas e ao desmatamento para Franklin Schmalz, candidato pelo PSOL a vereador na cidade de Dourados, no Mato Grosso do Sul, é um compromisso direto e concreto, a ser posto em prática a partir de cada voto. Essa, no entanto, não é uma vaga promessa de campanha nem uma metáfora política, mas sim uma determinação literal: para cada voto recebido, Schmalz irá plantar uma árvore. O plano foi publicado recentemente em suas redes sociais, como uma resposta ao calor escaldante registrado na região nos dias que antecederam a postagem.

© Facebook

A ideia do candidato, que concorre a um cargo eletivo pela primeira vez, é não só ilustrar sua agenda política como também seu estilo, caso seja eleito, a partir de tal ação, mas também sublinhar as atitudes que cada um pode fazer pelo meio-ambiente e a arborização da cidade – mesmo aqueles que não possuem um cargo público. Além de plantar novas árvores, Schmalz lembrou que é dever do cidadão, por exemplo, denunciar as podas irregulares e radicais, daquelas que cortam toda a copa e devastam a árvore – prática tratada como crime ambiental em Dourados.

Além disso, a iniciativa de transformar cada voto em uma árvore busca divulgar um serviço de requisição de mudas oferecido pelo Instituto de Meio Ambiente de Dourados (IMAM) – que incentiva o plantio e oferece as orientações corretas para a região. Através do serviço, o IMAM informa, por exemplo, uma lista de espécies que não são indicadas, e oferece mudas gratuitas que podem ser requisitadas a partir do portal do Instituto no site da prefeitura de Dourados. Nos comentários da postagem de Schmalz, compartilhada no Instagram e no Facebook, muitos potenciais eleitores já debatiam, entre ipês e mangueiras, por exemplo, quais espécies gostariam que correspondessem a seus votos.

© Getty Images

Aos 25 anos, Franklin Schmalz é formado em Relações Internacionais, com mestrado em sociologia pela UFGD, e experiência como dirigente do Movimento Estudantil – era presidente do Conselho Municipal da Juventude de Dourados, até se afastar para concorrer ao cargo de vereador. Como parte do coletivo Fórum Municipal de Áreas Verdes de Dourados, Schmalz passou a participar de debates sobre a pauta ambiental, que se tornou parte de sua agenda enquanto candidato.

© Reprodução

 

 

Publicidade

© fotos: créditos


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, doutorando em literatura pela PUC-Rio, publica artigos, ensaios e reportagens. É autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Com melhor resultado da história, Brasil vai ao Top 10 da Olimpíada Internacional de Matemática