Arte

Filmes com protagonismo preto que você precisa conhecer hoje

por: Redação Hypeness

Não existe separação entre arte e vida: em uma relação dinâmica, vertiginosa e multifacetada, a arte é parte da vida real, e a vida real tanto molda quanto é moldada pela arte. Nos espelhamos e nos reconhecemos na arte, tanto em nossas virtudes como em nossos preconceitos, desigualdades – nas faces mais luminosas e também nas mais sombrias da humanidade. É por isso que a questão do protagonismo negro nos filmes se afirma com tanta importância: pela denúncia do racismo e da desigualdade racial, como pela necessidade urgente da representatividade e do espelhamento, principalmente para jovens negros e negras, o protagonismo preto no cinema é pauta aguda, urgente e atual.

Pois tanto o mundo que queremos mudar e melhorar quanto aquele que desejamos construir precisa ser exibido nas telas – ser visto, denunciado, e também celebrado e planejado para uma versão mais igualitária, menos racista da própria vida. Assim, reconhecendo a importância simbólica e concreta, poética e política que o cinema possui, o Hypeness se juntou ao Telecine para selecionar oito filmes, em sua maioria pouco conhecidos ou debatido no Brasil, mas que dialogam firmemente com a causa e a questão da representatividade negra no cinema.

Moonlight, o primeiro filme de elenco majoritariamente negro a ganhar o Oscar de Melhor Filme

Todos os filmes que formam essa lista são excelentes obras, que tratam direta ou indiretamente da história negra e do protagonismo preto – no cinema e na vida real – e também são filmes que estão disponíveis para serem vistos, revistos – e depois debatidos e celebrados – na plataforma de streaming Telecine.

Harriet (2019)

 Baseado em uma personagem real, Harriet retorna a 1849 para contar a história de Harriet Tubman, uma mulher escravizada que foge para se tornar uma ativista em defesa dos direitos e da liberdade da população negra. No contexto da Guerra Civil nos EUA, Harriet se torna uma liderança, salvando a vida de centenas de pessoas que também fugiram da situação de escravidão para a liberdade pela qual ela lutou por toda a vida. Assim como Django, de Quentin Tarantino, Harriet conta uma outra história do tráfico de pessoas escravizadas nos EUA – essa, no entanto, uma história real.  

As Ondas (2019)

 Uma família negra do sul da Flórida, nos EUA, vê a estabilidade construída sobre pilares culturais do país, como o esporte, a família, a excelência em uma universidade, o casamento e a masculinidade ser destruída pelo efeito de uma tragédia. Essa é a premissa de As Ondas, filme no qual a questão racial é olhada pela ótica de um futuro luminoso e promissor que se desfaz e afeta a vida de todas as pessoas próximas de forma incontornável.

Desculpe te incomodar (2018)

 Contando com um vasto elenco de atrizes, atores e comediantes – estrelado por Lakeith Lee Stanfield e com Tessa Thompson, Danny Glover, Omari Latif Hardwick e Terry Crews, entre outros – Desculpe Te Incomodar conta a história do jovem Cassius “Cash” Green, um atendente de telemarketing que passa a utilizar um “sotaque branco” no trabalho para alcançar sucesso. Aos poucos, porém, Cash se vê envolvido em uma complexa trama conspiratória corporativa – que o faz ter de escolher entre sua consciência ou o dinheiro.  

Sócrates (2018)

 Criado somente por sua mãe, Sócrates conta a história de um jovem negro e pobre da cidade de Santos, no litoral paulista. Com somente 15 anos o jovem se vê na situação de enfrentar a pobreza extrema e o preconceito por sua sexualidade se agravar ainda mais diante da morte de sua mãe. Sozinho, Sócrates tem de enfrentar a vida na cidade de São Paulo, enquanto o preconceito e a homofobia lhe atravessam em sua formação.

Raízes de Sangue (2018)

 

Passado em Kingston, capital da Jamaica, entre os anos 1970 e 1980, o filme Raízes de Sangue mergulha no universo da violência e do tráfico de drogas mas também da cultura sound system jamaicana para contar a história do jovem Dennis, que se envolve com a venda internacional de cocaína depois de ver seu irmão ser assassinado. As curvas da vida o farão confrontar seu passado traumático e, com isso, seu próprio futuro.

Estrelas Além do Tempo (2016)

 Com três indicações ao Oscar – incluindo de Melhor Filme – é claro que Estrelas Além do Tempo foi um filme badalado, visto e celebrado. A história de Katherine Johnson, Dorothy Vaughan e Mary Jackson, três cientistas e matemáticas negras que trabalharam na NASA e ajudaram a conceber e realizar todo o programa espacial dos EUA é tão inspiradora e tocante – e corrige a injustiça histórica de tais mulheres não terem seus nomes reconhecidos por todos em todo o mundo – que o filme merece estar em qualquer lista do tema.

Chocolate (2016)

 Passado na França do século XIX, Chocolate conta a história real de Kananga, um jovem que trabalha em um circo e alcança grande sucesso ao passar a dar vida ao palhaço Chocolate. O “quadro” cai no gosto do público trazendo dois personagens: um palhaço branco e autoritário em relação com um palhaço negro – interpretado por Kananga. Apesar do sucesso – ou um pouco por causa dele – Chocolate tem de enfrentar igualmente todos os horrores do racismo e da perseguição que assolavam o cenário de então – como tragicamente ainda assolam.

Faça a Coisa Certa (1989)

 Assim como Estrelas Além do Tempo, o filme Faça a Coisa Certa é evidentemente uma obra clássica, vista, celebrada e debatida intensamente – mais do que isso, esse que é o primeiro grande sucesso de Spike Lee se tornou um verdadeiro clássico. Sua qualidade e a maneira inovadora e transformadora com que trata o tema da cultura negra o oferece um lugar cativo nessa lista – ao retratar uma sucessão de dilemas que sucedem a partir do momento que um ativista pede que uma pizzaria em um bairro negro do Brooklyn substitua as fotos nas paredes ídolos ítalo-americanos por ídolos negros.

 

Publicidade

© fotos: reprodução


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Assassinato de herdeiro da Gucci a mando de ex vira filme com Lady Gaga