Inovação

Lily Allen promove masturbação feminina e lança vibrador em parceria com sex shop

por: Redação Hypeness

A cantora Lily Allen se uniu à marca de produtos eróticos Womanizer para criar um vibrador especial. Chamado de Liberty (“liberdade”, em português), o aparelho chegou às lojas no último dia 22 de outubro em uma edição limitada especialmente desenhada para mulheres independentes. A cantora britânica, que fala cada vez mais sobre a importância da liberdade sexual feminina, é associada à companhia no cargo de chief liberation officer

Terapeutas tântricos dão dicas de masturbação feminina para fazer a dois

Parceria de Lily Allen com marca de vibradores acontece depois da cantora elogiar os produtos da Womanizer em livro.

Com tamanho pequeno, o produto tem design leve e elegante e é ideal para ser transportado sem chamar atenção dentro de bolsas, mesmo com cores intensas em tons de rosa e laranja. O Liberty vem com uma tampa magnética e funciona em seis níveis de intensidade. A bateria tem capacidade para durar 120 minutos direto e ele é à prova d’água. 

A ligação de Lily Allen com a marca alemã vem desde o lançamento da autobiografia da cantora, em 2018. Em um trecho de “My Thoughts Exactly”, Allen chamou de transformadora a descoberta da satisfação sexual sozinha durante a turnê “Sheezus”. “Se você está se perguntando qual vibrador eu escolheria acima de qualquer outro, eu diria que o da Womanizer”, escreveu. 

Bruna Linzmeyer diz que se masturba desde criança e defende autoconhecimento

O Liberty vem com uma tampa magnética que o torna discreto para levar para qualquer lugar.

O Liberty é equipado com uma tecnologia conhecida como Pleasure Air, que estimula as terminações nervosas do clitóris com ondas suaves de ar. “É completamente diferente. Ele pode lhe dar um orgasmo em pouco tempo e até múltiplos”, confidencia a cantora, que também surge como garota propaganda da nova campanha da Womanizer, #IMasturbate (“eu me masturbo”, em tradução livre).

Brinquedos sexuais ainda são vistos como um tabu porque estão relacionados à masturbação e ao prazer feminino. O prazer feminino em si é um tabu. A única maneira de fazer com que os tabus deixem de ser tabus é falar sobre eles abertamente, com frequência e sem vergonha ou culpa”, finaliza. 

Seguradora incentiva clientes a se masturbarem para dormir melhor

A embalagem do vibrador que tem Lily Allen como embaixadora.

Publicidade

Fotos: Womanizer/PR News Photo


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Coronavírus: lavar mãos em estações automáticas é ‘novo normal’ em meio à pandemia