Arte

Por trás das mortes de mães em filmes da Disney existe uma história real e trágica

Redação Hypeness - 26/11/2020 | Atualizada em - 05/01/2021

Quem é fã de filmes da Disney sabe que não precisa pensar muito para citar três ou quatro filmes em que o personagem principal tenha perdido a mãe ou o pai. Ou, ao menos, que não haja qualquer informação sobre os progenitores na animação. “Branca de Neve”, “Pinóquio”, “Bambi”, “Cinderella”, “Peter Pan”. Até mesmo os mais “recentes”, datados do pós renascimento da Disney, como “A Bela e a Fera” e “Aladdin”. A explicação para isso tem dois motivos.  

Fotos raras de Walt Disney nos anos 1940 revelam o homem por trás do legado

Walt Disney trabalha em seu estúdio em 1933.

Em uma entrevista à revista “Glamour”, Don Hahn, produtor executivo de filmes como “Malévola”, contou que a primeira explicação é bastante prática: os filmes da Disney são curtos e falam muito sobre amadurecimento. Para apresentar esse momento de crescimento do personagem de maneira mais rápida, é mais fácil cortar os pais deles e desenvolvê-los quase sozinhos. 

A segunda razão envolve uma história triste que aconteceu com o próprio criador do mundo mágico do Mickey. De acordo com a biografia de Walt Disney escrita por Pat Williams e Jim Denney, ele e seu irmão Roy decidiram, em 1937, comprar uma casa para seus pais em Los Angeles, para que a família ficasse próxima. Cerca de um ano depois, a mãe de Disney, Flora, pediu ao filho que mandasse alguém para consertar um vazamento de gás na casa. 

Primeiro cliente da Disney usa seu bilhete vitalício todos os anos desde 1955

Os pais de Walt Disney, Flora e Elias Disney, em 1937.

Walt Disney então chamou alguns funcionários dos estúdios para consertarem. Porém, o reparo não adiantou muito e, algum tempo depois, no dia 26 de novembro de 1938, Flora e o pai de Disney, Elias, foram encontrados desacordados pela governanta da casa em uma manhã. Enquanto Elias sobreviveu depois de ser levado com vida para o hospital, Flora não resistiu e morreu na casa mesmo. 

A ideia de que ele realmente contribuiu para a morte de sua mãe foi realmente trágica. Se você pesquisar sobre, vai achar informações sobre isso”, disse Don na entrevista. “Não é um segredo dentro da família, mas é apenas uma tragédia que é tão difícil de falar. Ajuda a entender o homem um pouco mais.

Ele trabalhou por 20 anos como Pateta na Disney e revela melhores momentos

Walt Disney posa sorridente ao lado da mulher, Lilian, em foto de 1955.

Publicidade

Fotos: Getty Images


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.


Warning: file_put_contents(/var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/functions/cache/twitter-stream-hypeness.txt): failed to open stream: Permission denied in /var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/functions/social.php on line 410


X
Próxima notícia Hypeness:
Pinacoteca de São Paulo une arte, luta e ancestralidade na exposição ‘Enciclopédia negra’