Inspiração

Brasileira vacinada contra covid-19 no Reino Unido faz jornalista chorar ao vivo

Yuri Ferreira - 09/12/2020

Um momento muito fofo aconteceu no jornalismo da Globo News nesta terça-feira (8). O jornalista Rodrigo Carvalho, correspondende da Globo em Londres, conseguiu uma entrevista marcante para o programa ‘Estúdio I’

O jornalista conversou com Maria Lúcia, uma mulher brasileira moradora do Reino Unido, que é considerada a primeira cidadã do Brasil a tomou a vacina da Pfizer, que imuniza as pessoas contra a covid-19. A apresentadora do programa Maria Beltrão se emocionou e chorou com a esperança de uma vacina.

– Coronavírus: responsável por vacina da Pfizer, cientista diz que vida volta ao normal em 2021

Jornalista Maria Beltrão se emocionou com a ideia da vacina e afirmou que brasileira que tomou imunizante da Pfizer traz esperança

Durante a entrevista, Maria perdeu um pouco do usual tom sério da rede de notícias e se abriu com emoção. A vacina é uma luz no fim do sombrio túnel da pandemia de coronavírus. “Que porta de esperança se abre para todos nós”, afirmou a apresentadora da Globo durante a transmissão da tarde da última terça-feira (8).

– Coronavírus: pesquisador da Fiocruz detalha processo de desenvolvimento de vacina e alerta sobre negacionismo

A jornalista aproveitou para agradecer Rodrigo Carvalho, correspondente da Globo News em Londres. “Rodrigo Carvalho, que coisa espetacular você trouxe para a gente hoje. Que sensacional essa entrevista. Que porta de esperança se abre para todos nós. Estou emocionadíssima mesmo!”, concluiu Beltrão.

O governo federal brasileiro ainda não apresentou um plano nacional de imunização e o Ministro da Saúde, General Eduardo Pazuello, afirmou que só irá comprar a Coronavac, vacina comprovadamente segura e produzida pelo Instituto Butantan, caso ‘haja demanda. No meio de uma pandemia. O Ministério da Saúde ainda não firmou acordo com nenhuma farmacêutica para adquirir um imunizante.

– Bolsonaro nega anúncio de vacina do Ministério da Saúde: ‘Não compraremos vacina da China’

Em São Paulo, indígenas, quilombolas e profissionais da saúde serão os primeiros vacinados pelo governo do Estado. A primeira dose da vacina, segundo o governador João Doria, será dada a partir do dia 25 de janeiro.

Publicidade

Fotos: Reprodução/GloboNews


Yuri Ferreira
Jornalista formado na Escola de Jornalismo da Énois. Já publicou em veículos como The Guardian, UOL, The Intercept, VICE, Carta e hoje escreve aqui no Hypeness. No twitter, @porfavorparem.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.


Warning: file_put_contents(/var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/functions/cache/twitter-stream-hypeness.txt): failed to open stream: Permission denied in /var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/functions/social.php on line 410


X
Próxima notícia Hypeness:
Bruna Surfistinha anuncia gravidez de gêmeos: ‘Salve a força feminina’