Ciência

Confira um Sapo-do-suriname dando à luz por buracos em suas costas [alerta tripofobia]

Vitor Paiva - 20/01/2021 | Atualizada em - 05/03/2021

Quem tem medo ou nojo de sapos ou sofre de tripofobia, aquela fobia de padrões irregulares ou agrupamento de pequenos buracos ou saliências, melhor parar essa leitura por aqui: a imagem de um tipo de sapo “parindo” seus filhotes pelas costas consegue reunir as duas terríveis sensações. Pois engana-se quem pensa que alguns animais dão à luz por parte e outros por ovos somente: o sapo-do-suriname faz, de certa forma, as duas coisas, em um bizarro processo chamado ovoviviparidade. As imagens são fortes, e podem provocar todo tipo de ânsia nos leitores mais sensíveis.

Sapo-do-suriname parindo filhotes pelas costas

A assombrosa imagem compartilhada do Sapo “parindo” pelas costas

Trata-se de um tipo de reprodução na qual o filhote se desenvolve dentro de um ovo, porém alojado no interior da mãe. No caso do sapo-do-suriname, a pele da fêmea encobre os ovos durante o período de nutrição e, quando os animais estão formados e devidamente nutridos, tais ovos eclodem – e o “parto”, assim, se dá pelas costas da mãe. O processo se dá como uma forma da mãe oferecer diretamente os nutrientes necessários aos filhotes, mas também de proteger os ovos de outros predadores.

Um sapo-do-suriname adulto

Um sapo-do-suriname adulto © CC

A ovoviviparidade é um processo mais comum do que pensamos, utilizado por diversas cobras peçonhentas, alguns tipos de peixe, sapos e moscas. Não por acaso, a imagem do sapo-do-suriname originalmente postada em um fórum no site Reedit provocou frisson e repulsa. “É o pior dos dois mundos”, disse um dos usuários, referindo-se à combinação do ato de botar ovos com o processo de gestação interno. ”Minhas mãos coçam quando a tripofobia bate”, disse outro, enquanto um terceiro usuário resumiu o sentimento que pareceu geral: “Eu odeio tudo sobre isso. Não vou conseguir dormir essa noite”.

Antiga ilustração do Sapo-do-suriname

Antiga ilustração do Sapo-do-suriname © Getty Images

Publicidade

© fotos: Reddit/créditos


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, Vitor Paiva é mestre e doutor em Literatura, Cultura e Contemporaneidade pela PUC-Rio. Publica artigos, ensaios e reportagens, é autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.


Warning: file_put_contents(/var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/functions/cache/twitter-stream-hypeness.txt): failed to open stream: Permission denied in /var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/functions/social.php on line 410


X
Próxima notícia Hypeness:
Homem morto há mais de 2 mil anos tem última refeição revelada