Ciência

Confira um Sapo-do-suriname dando à luz por buracos em suas costas [alerta tripofobia]

por: Vitor Paiva

Quem tem medo ou nojo de sapos ou sofre de tripofobia, aquela fobia de padrões irregulares ou agrupamento de pequenos buracos ou saliências, melhor parar essa leitura por aqui: a imagem de um tipo de sapo “parindo” seus filhotes pelas costas consegue reunir as duas terríveis sensações. Pois engana-se quem pensa que alguns animais dão à luz por parte e outros por ovos somente: o sapo-do-suriname faz, de certa forma, as duas coisas, em um bizarro processo chamado ovoviviparidade. As imagens são fortes, e podem provocar todo tipo de ânsia nos leitores mais sensíveis.

Sapo-do-suriname parindo filhotes pelas costas

A assombrosa imagem compartilhada do Sapo “parindo” pelas costas

Trata-se de um tipo de reprodução na qual o filhote se desenvolve dentro de um ovo, porém alojado no interior da mãe. No caso do sapo-do-suriname, a pele da fêmea encobre os ovos durante o período de nutrição e, quando os animais estão formados e devidamente nutridos, tais ovos eclodem – e o “parto”, assim, se dá pelas costas da mãe. O processo se dá como uma forma da mãe oferecer diretamente os nutrientes necessários aos filhotes, mas também de proteger os ovos de outros predadores.

Um sapo-do-suriname adulto

Um sapo-do-suriname adulto © CC

A ovoviviparidade é um processo mais comum do que pensamos, utilizado por diversas cobras peçonhentas, alguns tipos de peixe, sapos e moscas. Não por acaso, a imagem do sapo-do-suriname originalmente postada em um fórum no site Reedit provocou frisson e repulsa. “É o pior dos dois mundos”, disse um dos usuários, referindo-se à combinação do ato de botar ovos com o processo de gestação interno. ”Minhas mãos coçam quando a tripofobia bate”, disse outro, enquanto um terceiro usuário resumiu o sentimento que pareceu geral: “Eu odeio tudo sobre isso. Não vou conseguir dormir essa noite”.

Antiga ilustração do Sapo-do-suriname

Antiga ilustração do Sapo-do-suriname © Getty Images

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Publicidade

© fotos: Reddit/créditos


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, doutorando em literatura pela PUC-Rio, publica artigos, ensaios e reportagens. É autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Asteroide que passará pela Terra atende requisitos para ser ‘potencialmente perigoso’