Debate

Vereadora intersexo do PSOL é alvo de atentado a tiros em casa

Redação Hypeness - 27/01/2021

A covereadora Carol Iara, que faz parte do mandato da Bancada Feminista do PSOL na Câmara dos Vereadores de São Paulo, foi vítima de um atentado a tiros em sua casa. Carol, que é intersexo e travesti, registrou um boletim de ocorrência. Segundo a parlamentar, dois tiros foram dados em direção à sua residência.

– Parlamentares negras recebem ameaças de morte e xingamentos racistas padronizados 

Vereadoras da Bancada feminista do PSOL; Carol Iara foi vítima de violência

Carolina Iara é covereadora de mandato coletivo feminista na câmara municipal da capital paulista

A Bancada Feminista do PSOL foi eleita em outubro de 2020 e recebeu mais de 46 mil votos no pleito municipal da capital paulista. São cinco co-vereadoras que gerem o mandato: a professora Silvia Ferraro, a ativista Paula Nunes, a advogada Dafne Sena e a tradutora Natália Chaves. Juntas de outros 5 mandatos, elas formam a bancada do Partido Socialismo e Liberdade na Câmara dos Vereadores.

– Joinville elege 1ª vereadora negra que rapidamente se torna alvo de racismo e ameaças de morte 

Carol Iara registrou um boletim de ocorrência e prestou depoimento à Polícia Civil de São Paulo nessa tarde na Delegacia de Proteção a Pessoa.

O PSOL emitiu nota repudiando a violência sofrida pela deputada. “Não podemos permitir que ao ocupar espaço de poder as mulheres pretas, travestis sejam silenciadas com violência”, afirmou a nota da partido.

– Negras, trans e mulheres: diversidade desafia preconceito e protagoniza eleições

Confira reação ao ataque terrorista nas redes sociais:

Publicidade

Fotos: Reprodução/Instagram


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.