Ciência

A história das gêmeas com uma síndrome que deixa o cabelo ‘elétrico’ e ‘impenteável’

por: Vitor Paiva

É comum que crianças, principalmente nas primeiras infâncias, não gostem de pentear o cabelo. Tal comportamento no caso das gêmeas inglesas Agnetha e Anja Norendal, de 9 anos, no entanto, definitivamente não se dá por birra ou temperamento das pequenas: os cabelos loiros das irmãs são impossíveis de serem penteados, e isso não é maneira de dizer – as duas sofrem com uma rara síndrome que torna os fios realmente incontroláveis. O nome da condição não poderia ser mais clara: Síndrome do Cabelo Impenteável.

Agnetha e Anja Norendal, irmãs gêmeas com Síndrome do Cabelo Impenteável

Agnetha e Anja Norendal quando pequenas

Desde que os primeiros fios de cabelo nasceram nas gêmeas que a mãe das crianças, Angela, de 52 anos, percebeu que havia algo de inusitado com seus cabelos, que cresciam ásperos, em completa oposição aos fios lisos, por exemplo, de sua filha mais velha. Foi nesse período que um pediatra as diagnosticou com a síndrome, que se confirmou com o tempo – os cabelos de Agnetha e Anja só podem ser lavados uma vez por semana, em um trabalho especialmente intenso. “Quase não usamos shampoo, pois o produto piora o frizz. Em contrapartida, gastamos um pote de condicionador por semana com os cabelos delas”, afirmou a mãe.

Agnetha e Anja Norendal, irmãs gêmeas com Síndrome do Cabelo Impenteável, e sua irmã mais velha, com cabelos lisos

Agnetha e Anja Norendal com a irmã mais velha

Segundo Angela, a condição não afetou a auto-estima das filhas, nem mesmo a impressão das duas sobre seus cabelos. “As gêmeas amam seus cabelos e não mudariam por nada no mundo. Por causa deles, elas sempre se destacam na multidão e gostam do fato de as duas terem o mesmo tipo de cabelo”, contou. A mãe agora busca por outras gêmeas no mundo que tenham a mesma condição. “Já buscamos na internet e em grupo de pais, mas não encontramos. As pessoas na nossa cidade estão acostumadas com elas, mas se formos para outro lugar, a quantidade de gente que para para olhar é inacreditável. Eles pedem fotos e perguntam se podem tocar no cabelo das meninas. Quando eram menores, elas não se importavam com a atenção, mas agora não gostam tanto”

Agnetha e Anja Norendal, irmãs gêmeas com Síndrome do Cabelo Impenteável

A Síndrome do Cabelo impenteável é uma condição causada por mutação genética que provoca o nascimento de cabelos muito crespos e secos, crescendo no escalpo em ângulos incomuns. É uma condição rara, mas as gêmeas Norendal não são o primeiro caso noticiado recentemente: em 2019 o caso da também inglesa Wynter Seymour, de 7 anos, se popularizou em todo o mundo – quando se especulou que a síndrome talvez também tenha afetado os incontroláveis cabelos do físico Albert Einstein. Costumeiramente a Síndrome do Cabelo impenteável é diagnosticada até a adolescência em jovens de cabelos loiros – muitos deles, porém, crescem para ver a situação se normalizar na vida adulta, quando passam a ter os cabelos lisos.

Agnetha e Anja Norendal, irmãs gêmeas com Síndrome do Cabelo Impenteável

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Publicidade

© fotos: arquivo pessoal


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, doutorando em literatura pela PUC-Rio, publica artigos, ensaios e reportagens. É autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Irmãs com ‘doença da urina preta’ comeram peixe antes de internação, diz família