Debate

Arcebispo se desculpa após homofobia contra repórter dentro de igreja; veja vídeo

por: Redação Hypeness

A homofobia provocou um constrangimento desnecessário entre o arcebispo metropolitano de Natal, Dom Jaime Vieira Rocha, e um repórter que tentou entrevistá-lo durante a festa de Nossa Senhora da Piedade, na última segunda-feira (01/02). 

Dom Jaime demonstrou desconforto ao notar os trejeitos tidos como femininos do jovem e se recusou a fazer a falar. “Não tô gostando dessa entrevista, não. Tô achando que estão me usando para me ridicularizar”, disse. Depois do ocorrido e da repercussão on-line, o sacerdote pediu desculpas. 

– Em decreto aprovado pelo Papa Francisco, Vaticano reafirma que gays não podem ser padres

Arcebispo se desculpa após homofobia contra repórter

Em nota oficial, o arcebispo contou que entrou em contato, por telefone, com o repórter para se desculpar. “Em virtude de polêmica suscitada em redes sociais, venho através desta, como já fiz pessoalmente por telefone, pedir desculpas se posso ter causado algum inconveniente aos irmãos dessa amada paróquia no âmbito das relações interpessoais”, escreveu. Além disso, o Dom Jaime agradeceu os membros da Pastoral da Comunicação. 

– Padre mantinha romance com hacker que o extorquiu em mais de R$ 2 mi; diz relatório

O vídeo da quase-entrevista viralizou no Twitter e conta com mais de 738 mil visualizações. A atitude do arcebispo foi criticada e ele foi acusado de LGBTQIfobia. O perfil Teus, que publicou o vídeo, escreveu: “Quando LGBTs me dizem que são cristãs/cristãos e frequentam a igreja penso sempre que a gente vive num mundo muito complexo”

Leia a nota do pedido de desculpas na íntegra: 

“Em virtude de polêmica suscitada em redes sociais, venho através desta, como já fiz pessoalmente por telefone, pedir desculpas se posso ter causado algum inconveniente aos irmãos dessa amada paróquia no âmbito das relações interpessoais, na noite desta segunda-feira, 01 de fevereiro, após a última novena da Festa de Nossa Senhora da Piedade. Quem me conhece sabe que não é do meu caráter e se afasta dos ensinamentos cristãos, que há 46 anos tenho por missão difundir e levar a quantos queiram ouvir, causar qualquer tipo de constrangimento ou desqualificar quem quer que seja.

– 300 padres são acusados de mais de 1 mil casos de pedofilia nos EUA

Ao agente Ricardo Sérgio e demais membros daquela equipe da Pascom, meu pelo importante trabalho que desempenham, bem como todas as equipes da Pastoral da Comunicação em nossas paróquias, especialmente, durante este período da pandemia, proporcionando que os fiéis possam participar das missas e demais celebrações, mesmo de forma virtual. Que Deus os recompense pelo zelo missionário e evangelizador, por meio da comunicação. Deus os favoreça”.

O repórter alvo da atitude homofóbica do arcebispo Dom Jaime não se pronunicou sobre o ocorrido até o momento.

A reação nas redes sociais demonstrou a revolta com a postura do sacerdote:

1. 

2.

3.

4.

5.

Publicidade

Foto: Reprodução/Pastoral da Comunicação


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Dani Calabresa fala sobre assédio e diz que teve medo de ‘boicote’; ‘Colar os pedaços’