Ciência

Bebê nasce com anticorpos contra covid-19 após mãe tomar vacina e impressiona cientistas

Redação Hypeness - 12/02/2021

Um estudo feito por cientistas da Universidade Atlântica da Florida mostrou que uma criança nasceu com anticorpos para o novo coronavírus após sua mãe ser imunizada contra a covid-19. O estudo foi publicado em versão pre-print na revista mRvix e foi o primeiro registro desse fenômeno na comunidade científica.

– Após ser rebaixada, questionada e rejeitada, seu trabalho foi a base da vacina para Covid-19

Vacina da Moderna gerou anticorpos em recém nascida; mais estudos devem ser feitos para observar se o fenômeno é comum

A mulher vacinada foi uma enfermeira que trabalha na linha de frente contra a covid-19 na Flórida. Ela foi imunizada com 36 semanas de gravidez e deu a luz a um bebê saudável do sexo feminino. Médicos coletaram amostras de sangue da recém-nascida e encontraram anticorpos IgG contra o novo coronavírus.

– Filha acusa enfermeira de fingir aplicar dose de vacina contra covid-19 em idosa; veja vídeo 

A mulher foi imunizada com a vacina da Moderna, carro-chefe da vacinação em massa realizada nos Estados Unidos da América. Segundo o estudo, o resultado já era esperado por conta dos efeitos das vacinas da gripe e da tríplice em crianças que tiveram suas mães vacinadas durante a gravidez.

“Um bebê saudável nasceu de uma mãe que tomou uma dose da vacina com tecnologia de mRNA para o Sars-Cov-2 três semanas antes do parto. Os anticorpos IgG foram encontradas no sangue do cordão umbilical na hora do parto”, explica o estudo.

“Mais estudos serão necessários para quantificar a quantidade de anticorpos neutralizantes virais presentes em bebês nascidos de mães que são vacinadas antes do parto”, dizem os cientistas que realizaram o estudo. A descoberta pode fazer, inclusive, uma geração de crianças que já nascem imunizadas contra a covid-19.

– Cuba anuncia vacinação de turistas contra a covid-19 

As vacinas que estão sendo ministradas no Brasil (Coronavac e Astrazeneca) não tiveram testes em mulheres grávidas e portanto não se sabe sua segurança. As gestantes ainda não fazem parte do plano de imunização no nosso país e provavelmente só serão vacinadas após resultados concretos sobre esses imunizantes nessa população serem publicados.

 

Publicidade

Fotos: © Getty Images


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.