Debate

Futuro pai morre por explosão de dispositivo que seria usado em chá de revelação

Redação Hypeness - 23/02/2021

O estadunidense Christopher Pekny faleceu na cidade de Liberty, estado de Nova York, nos EUA, após um dispositivo que construía para chá de revelação falhar. Uma explosão acabou matando o americano de 28 anos de idade que, por conta de uma celebração arriscada, sequer vai conhecer seu filho.

Ele morreu antes de conhecer seu filho; dispositivo explodiu antes do chá de revelação.

Os chás de revelação são festas em que pais revelam às mães e a familiares ou amigos qual será o sexo de nascimento de uma criança. Fogos de artifício, bombas e coisas cada vez mais mirabolantes entraram no imaginário de famílias ao redor do mundo. Christopher foi vítima desses riscos.

Além de Christopher, seu irmão Michael Pekny, de 27 anos, se feriu na elaboração da engenhoca que explodiu. Ele foi hospitalizado e, em entrevista a jornais locais, não soube explicar o que aconteceu de errado para que o dispositivo tenha explodido antes do esperado.

Leia também: Inventora do chá de revelação se arrepende: ‘Não é legal!’

Celebração de risco

Não é a primeira vez que um estadunidense morre em decorrência de um chá revelação. Em 2021, um homem também faleceu em Michigan graças a uma explosão no chá de revelação. Em 2019, uma grávida faleceu em Iowa por conta do impacto da bomba. As explosões, fogos de artifícios, armas e pirotecnia tornam esses eventos acabaram se tornando cada vez mais arriscados.

Após chá de revelação cancelado, grávida ganha ‘charreata’ emocionante; assista

Em 2020, um incêndio começou na Califórnia e durou cerca de uma semana por conta de um chá de revelação que deu errado. Em setembro, o fogo na cidade de El Dorado forçou centenas de famílias a abandonarem suas casas e levou mais de 19 mil acres de vegetação.

Incêndio que durou uma semana em 2018 começou por conta dessa brincadeira.

Desde 2017, são registrados acidentes ambientais relacionados a festas de chá de revelação. Nesse ano, em outubro, uma tragédia ambiental também causou um incêndio florestal de grandes proporções no Arizona. Em novembro de 2018, o estadunidense Dennis Dickey também foi o responsável por um crime ambiental ao atirar em uma bomba que revelaria o gênero de seu filho (um menino).

Publicidade

Fotos: Reprodução/Facebook


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.