Inspiração

Hotéis na Suíça resolvem falta de clientes abrigando pessoas em situação de rua durante pandemia

Kauê Vieira - 08/02/2021 | Atualizada em - 10/02/2021

Diante do inevitável impacto negativo que a atual pandemia impõe sobre o turismo em todo o mundo, alguns hotéis na Suíça ofereceram um bom exemplo das melhorias que parcerias entre o estado e empresas privadas podem trazer à realidade atual. No lugar de manter os hotéis vazios pela ausência de hóspedes por conta do novo coronavírus, diversos estabelecimentos passaram a acolher pessoas em situação de rua em seus quartos.

A cidade de Genebra © Getty Images

A iniciativa conta com a estrutura dos hotéis e com o financiamento de instituições privadas de auxílio e também do próprio estado, que oferece o suporte financeiro capaz de tornar o programa duradouro e capaz de beneficiar a todos os envolvidos. Atendendo mais de 150 pessoas hospedadas em hotéis que estavam vazios somente na cidade de Genebra, o investimento para realização do programa foi de cerca de 2 milhões de euros até aqui – valor equivalente a cerca de R$ 6,5 milhões de reais.

A abertura de hotéis para o acolhimento de pessoas em situação de rua não é exclusividade da Suíça, mas a dimensão e a qualidade do programa atual é digno de nota: além de potencialmente durar até o meio desse ano, a iniciativa funciona não somente em hotéis de 1 estrela, mas também de 2 ou mesmo 3 estrelas. O sistema de suporte concede aos novos hóspedes o período de um mês para cada entrada, no qual as associações participantes do programa oferecem auxílio na busca por soluções permanentes para o problema de moradia dos envolvidos.

Hotel em Genebra © Getty Images

A ideia original era que a parceria e tal auxílio funcionasse até abril, mas a perspectiva atual vem fazendo com que os proprietários dos hotéis se coloquem dispostos a estender a experiência até o meio de 2021, podendo seguir até mesmo durante o segundo semestre do ano. Experiências similares vêm sendo realizadas também na França e na Inglaterra, e podem servir de modelo – tanto para o público quanto para a iniciativa privada – de como beneficiar a todos no caminho para superar o impacto da pandemia em todos os seus sentidos: não somente econômico, mas principalmente social e humano.

© Getty Images

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Publicidade

© fotos: Getty Images


Kauê Vieira
Nascido na periferia da zona sul de São Paulo, Kauê Vieira é jornalista desde que se conhece por gente. Apaixonado pela profissão, acumula 10 anos de carreira, com destaque para passagens pela área de cultura. Foi coordenador de comunicação do Projeto Afreaka, idealizou duas edições de um festival promovendo encontros entre Brasil e África contemporânea, além de ter participado da produção de um livro paradidático sobre o ensino de África nas Escolas. Acumula ainda duas passagens pelo Portal Terra. Por fim, ao lado de suas funções no Hypeness, ministra um curso sobre mídia e representatividade e outras coisinhas mais.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.


Warning: file_put_contents(/var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/functions/cache/twitter-stream-hypeness.txt): failed to open stream: Permission denied in /var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/functions/social.php on line 410


X
Próxima notícia Hypeness:
Emicida será professor em uma das principais universidades de Portugal