Debate

Modelo é espancada enquanto dorme por ex que não aceitou fim de namoro

Redação Hypeness - 01/02/2021

Um dia após o fim do relacionamento, o ex-namorado da modelo Gabriela Casellato Brito, de 24 anos, a agrediu enquanto ela dormia. Com a mandíbula e o nariz quebrados, além de hematomas por todo o rosto, a jovem registrou um Boletim de Ocorrência e conseguiu na Justiça uma medida protetiva que obriga o seu agressor a manter o limite mínimo de 100 metros de distância dela.

Segundo Gabriela, na manhã do dia 17 de janeiro, ela acordou de maneira repentina e sentindo-se agitada. Percebeu que estava ensanguentada e notou um ventilador danificado no chão. Ela, então, concluiu que poderia ter sido agredida com o objeto.

A modelo de 24 anos lembra que levantou da cama e chegou a caminhar com dificuldade até se deparar com o ex-namorado, o agressor Felipe José Pereira de Jesus, dentro do apartamento. Gabriela conta que o homem ofereceu gelo para ela colocar nos machucados.

– Rodriguinho é acusado de agressão por ex-mulher: ‘Me bateu em festa’

Modelo é espancada enquanto dorme por ex que não aceitou fim de namoro

Nesse momento, a modelo relata ter visto a porta do apartamento arrombada e percebeu que tinha sido brutalmente agredida pelo ex-companheiro, a ponto de perder a consciência. Em seguida, a modelo pediu socorro à vizinha e foi para o apartamento dela. Nessa hora, segundo a Gabriela, o ex-namorado fugiu.

– Duda Reis acusa Nego do Borel de estupro de vulnerável e fala sobre agressões; cantor nega

Gabriela Casellato contou à polícia que, durante um ano, manteve um relacionamento com Felipe. Ela relata ter recebido uma mensagem em tom ameaçador após o término, que dizia: “Você foi bem corajosa esta noite”.

O final do relacionamento foi escolha de Gabriela, que vinha percebendo comportamentos abusivos por parte de Felipe, que a agredia verbalmente com frequência. Ao encerrar o relacionamento, a jovem diz ter ouvido xingamentos, mas acreditou que não aconteceria mais nada com ela. 

Depois do ocorrido, a modelo e a família, assim como os amigos, compartilharam os fatos nas redes sociais. “Eu precisava expor e deixar em evidência tudo o que aconteceu, não só por mim. Tudo o que aconteceu não pode ser mudado. Mas, sim, por outras mulheres que sofrem com agressões e não conseguem denunciar por medo, chantagem, dependência emocional ou financeira. Eu quis ser porta-voz para todas as mulheres que não precisam passar por isso sozinhas”, disse, em entrevista ao G1.

– Duda Reis recebe apoio de ex de Nego do Borel em acusação de agressão; cantor vai à delegacia

Gabriela está fazendo uma campanha de arrecadação online para juntar dinheiro e realizar uma cirurgia para reparar o nariz quebrado. “Preciso fazer uma cirurgia ‘pós-traumática’ com um médico especializado e logo após realizar a plástica, porque ele deformou todo meu nariz. Sinto dores fortes até hoje, 15 dias após a agressão”.

Publicidade

Foto: Reprodução/Instagram


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.