Debate

Covid: filho toca violino em velório a pedido da mãe que não resistiu ao vírus e se emociona

por: Redação Hypeness

O músico Rafael Borges, de 20 anos, fez uma apresentação tocante de violino no velório de sua mãe. Selma Maria Borges de Oliveira, de 46 anos, não resistiu à covid-19. Ela é uma das mais de 281 mil vítimas do novo coronavírus no Brasil.

Nas imagens que circulam nas redes sociais, é possível ver Rafael tocando uma canção em seu violino. Claramente abalado psicologicamente, o violinista tem dificuldade em não demonstrar sua emoção. Ao fim de tocar a música, ele cai de joelhos em frente à sepultura.

– Como o Brasil se tornou o pior país na gestão da pandemia, segundo estudo

Filho toca violino em enterro da própria mãe e cai de joelhos em frente ao túmulo; cena mostra desespero de um país em frente à maior tragédia sanitária da nossa história

Selma foi enterrado no dia 14 de março de 2020. A homenagem foi feito como ela havia pedido ainda em vida, antes de falecer pelo novo coronavírus.

– Covid: Brasil pode fabricar variantes em massa com vacinação sem lockdown, dizem cientistas

“Quando recebi a notícia que ela não tinha resistido, foi a primeira coisa que me veio à cabeça. Eu me lembro como se fosse ontem ela falando que queria que tocassem essa música quando ela morresse. E foi o que eu fiz. Não consegui falar nada, apenas tocar”, conta o filho ao G1 Goiás.

Ela começou a apresentar sintomas no dia 6 de março, mas ficou durante 5 dias com sintomas leves. Após a doença se manifestar com mais intensidade, no dia 11, ela teve de ir pro hospital. Com pouca oxigenação no sangue, teve de ser entubada. Então, teve uma parada cardíaca.

– ‘Tim Maia da Paulista’, Jonathan Neves morre de covid-19 e é homenageado por perfil do músico

“Eu vi com os meus próprios olhos que esse vírus mata. Eu ouvi muita gente falar que os médicos estavam matando as pessoas, que não tinha lógica tanta gente morrer assim. Mas eu posso falar com toda a certeza do mundo que eles estão fazendo além do que podem. Esse vírus mata. Matou a minha mãe e pode matar muita gente”, desabafou o jovem.

Publicidade

Fotos: Reprodução/Arquivo Pessoal


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.


X
Próxima notícia Hypeness:
Covid: empresário responsável por almoço de sertanejos com Bolsonaro está intubado