Debate

Meghan revela pensamento suicida e temor de família real por filho com pele escura demais

Redação Hypeness - 08/03/2021

Oprah Winfrey entrevistou Harry e Meghan Markle, duque e duquesa de Sussex, que falaram durante duas horas no horário nobre da TV dos Estados Unidos. A conversa bombástica foi a mais ampla de um membro da família real em muito tempo e a primeira do casal desde que se afastaram oficialmente dos deveres da monarquia britânica. 

Meghan causou perplexidade ao revelar desejos suicidas depois do casamento e conversa com membros importantes da família que demonstraram preocupação com o tom de pele do primeiro filho do casal, Archie

A entrevista começou com a exibição de cenas do casamento real do casal, que aconteceu no dia 19 de maio de 2018, na Inglaterra, e foi assistido por mais de 2 bilhões de pessoas. “Parecia um conto de fadas, uma nova era da monarquia. Até que eles decidiram sair. E pela primeira vez eles falam a sua versão da história”, diz Oprah ao iniciar a reportagem especial.

Meghan e Harry criticaram a família real e conversa com Oprah

Racismo real 

Raça é um assunto constante na coroa britânica desde que Harry e Meghan anunciaram o noivado. A cobertura racista de grande parte da mídia inglesa se intensificou assim que o filho mais novo da princesa Diana anunciou que se casaria com a norte-americana de 39 anos.

Meghan Markle, que é uma mulher negra, revelou que membros da realeza manifestaram preocupações com a cor de Archie, inclusive um temor do que o agora bebê de 10 meses nascesse com a pele escura. “Haviam preocupações do quão escura sua pele seria”, disse a duquesa para uma Oprah Winfrey chocada.

– As primeiras imagens do bebê real, sétimo na sucessão da coroa britânica

Ainda de acordo com Meghan, que atuava como atriz antes de entrar para a monarquia, Archie teve sua segurança e título negados enquanto ainda estava na barriga – o que reforça as acusações de racismo contra a monarquia.

Questionada por Oprah sobre detalhes do que significaria não receber segurança da família real inglesa, Markle afirmou que “ele precisava estar seguro. Não estamos dizendo para vocês ‘façam dele um príncipe ou uma princesa’, mas se estão dizendo que era título que afetaria a proteção para ele, nosso filho tinha de estar seguro”

Meghan revelou o racismo presente na realeza britânica

Meghan, porém, não quis contar para Oprah quem teria sido a pessoa com quem conversou. “Foi uma decisão dos membros da família. A ideia do nosso filho não estar a salvo e a ideia do primeiro membro de cor desta família não ter o mesmo título que outros membros da família receberam… Não seria correto tirarem esse direito dele. Enquanto eu estava grávida, vieram me dizer que queriam mudar a regra. Por quê? Até hoje não tenho uma resposta do motivo”, argumentou.

– The Crown ‘é baseada na verdade’, diz Harry que dá ideia de convívio com família real

Para Harry, a exposição que essa negação de direitos poderia gerar a sua família era a história se repetindo. Ele se referia à morte de sua mãe, a princesa Diana, em 1999, em um acidente de carro enquanto era perseguida por paparazzi. Após anunciar a separação de Charles, Diana contava com segurança particular. 

Pensamentos suicidas

Outro momento importante da conversa com Oprah foi quando Meghan revelou que o medo de ter seu primeiro filho rejeitado se transformou em depressão. A duquesa de Susses provocou perplexidade ao dizer que começou a conviver com pensamentos suicidas. Markle delcarou também que teve o pedido para buscar ajuda fora da família real negado. 

“Não vi uma solução. Eu sentava à noite e pensava. Minha mãe, meus amigos me ligavam. E parecia que tudo acontecia só porque eu estava respirando. Eu tive muita vergonha na época e tive muita vergonha de admitir para o Harry. Porque eu sei quantas perdas ele já sofreu. Mas eu sabia que se eu não falasse, eu faria. Eu não queria mais estar viva. E isso era um pensamento claro, real e constante”, explicou. 

Meghan segura Archie no colo ao lado de Harry

“Não tem como simplesmente chamar um Uber para o palácio e ir até o hospital. Desde que eu entrei para a família, nunca mais vi meu passaporte, minha carteira de habilitação, minhas chaves”, contou. Segundo Meghan, Harry a salvou procurando ajuda dentro da instituição e depois, com a decisão de deixar a monarquia. 

– ‘The Crown’ expõe relação conturbada entre Charles e Diana em aguardada temporada

Dinheiro e vida nos EUA 

O papo migrou para projetos individiais e em conjunto e como o casal está se mantendo longe do Reino Unido. Harry e Maghan vivem em Los Angeles, nos Estados Unidos. Oprah deixou claro que Meghan e Harry não receberam nada pela entrevista e que também não sabiam de nada sobre as perguntas. Não que o especial não tenha rendido para a apresentadora, já que segundo o The Sun, Oprah recebeu 6,5 milhões de libras só com a audiência da conversa

Harry negou que a Rainha Elizabeth, chefe da monarquia e sua avó, teria sido pega de surpresa com o anúncio de que ele e Meghan deixariam a família real. Pelo contrário, de acordo com o duque, foram dois anos de conversa sobre o assunto. “A gente estava no Canadá e eu tive três conversas com a minha avó e duas com meu pai. E meu pai pediu para eu escrever tudo. Escrevemos tudo. Falamos até meu pai parar de atender minhas ligações. Porque eu decidi fazer isso pela minha família. Eu tive que fazer algo pela minha família, pela minha saúde mental, pelo Archie”, desabafou.

– Kristen Stewart aparece deslumbrante como Diana em novo filme sobre princesa

Harry explicou que não acessa mais o dinheiro provido pela família real desde o início de 2020. O duque confirmou que tem vivido com o dinheiro deixado por Diana como herança e talvez prevendo o que aguardava seu filho mais novo. William, que deve herdar o trono do pai, Charles, assumirá o controle financeiro da monarquia britânica. 

A princesa Diana com os filhos William e Harry

O casal não deu muitos detalhes muito sobre projetos de trabalho, mas deixou a entender que estão voltando a investir na carreira de Meghan como atriz. A duqeusa ficou conhecida pelo seu papel na série ‘Suits’. 

– Primo da Rainha Elizabeth II protagoniza primeiro casamento gay da realeza britânica

Meghan e Kate

Os problemas de relacionamento entre Harry e Meghan e família real existiam antes do afastamento oficial do casal. Oprah questionou se era verdade que Meghan e Kate Middleton, esposa do príncipe William, não se dão bem. Ao que a duquesa respondeu:

“Foi um problema com as ‘flower girls’ (daminhas) no casamento. Ela me fez chorar, me magoou. Não acho justo entrar nos detalhes porque ela me pediu desculpas e eu aceitei. Mas foi difícil ser culpada por algo que não fiz, as pessoas do castelo sabiam a verdade. Acho importante as pessoas saberem a verdade. Ela é uma pessoa boa. Existe essa ideia de que se você gosta de mim, tem de odiá-la. E se você gosta dela, tem de me odiar. Como se fosse uma narrativa de vilão e mocinha”.

Meghan Markle falou sobre a rainha Elizabeth, precisamente a respeito de um evento pública em que foram juntas e a duquesa de Susses foi presenteada com um conjunto de pérolas. 

Harry e Meghan se afastaram da família real

– Por amor a Meghan, príncipe Harry não vai caçar animais ao lado da rainha

Apesar de declarar que a rainha sempre foi amável com ela, Meghan comentou que nunca recebeu instruções ou aulas sobre como deveria se portar ou o que deveria fazer. Ela chegou a dizer que fazia pesquisas na internet antes de eventos para aprender os protocolos reais e até mesmo hinos que deveria cantar. Kate e Diana foram treinadas por mais de um ano para a realeza.

Harry afastado de Charles e William 

Harry não teve medo de afirmar que não fala mais com o pai e se afastou do irmão, apesar de não ter entrado em detalhes sobre os motivos. Ele mantém contado com a avó e disse que este foi o único relacionamento que se fortaleceu após a sua saída da família real. “Falei mais com a minha avó neste último ano que do que falei a vida inteira”, pontuou.

Meghan, que publicou um artigo comovente sobre um aborto espontâneo que sofreu, está grávida novamente. O casal revelou a boa nova em primeira mão e adiantou que trata-se de uma menina que nascerá no verão dos Estados Unidos, entre junho e setembro. Atualmente, Harry e Meghan se dividem entre trabalho no país e a casa no Canadá. 

– Foto de Harry e Meghan sorrindo é considerada a melhor da história da realeza

“Estou me sentindo grato. Ter um menino, uma menina, o que mais posso pedir? Agora temos a nossa família. Somos nós quatro e nossos dois cachorros”, disse Harry.

Publicidade

Fotos: Getty Images


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.