Arte

‘Oscar’: Anthony Hopkins estrela filme sobre demência indicado a seis estatuetas

Redação Hypeness - 29/03/2021 | Atualizada em - 31/03/2021

O novo filme estrelado por Anthony Hopkins, ‘Meu Pai’, tem estreia prevista para o dia nove de abril, ainda sem definição sobre se será exibido apenas no cinema ou via streaming.

Mesmo assim, o longa conquistou corações em cada festival em que foi exibido. Indicado a seis estatuetas do Oscar, incluindo o glorioso prêmio de Melhor Filme, o longa se dedica a falar de um tema denso e complexo: a demência.

– Chadwick Boseman recebe indicação póstuma ao ‘Oscar’ por filme com Viola Davis

Performance de Anthony Hopkins em ‘O Pai’ é aclamada pela crítica e pelo público; ator vai para segunda indicação consecutiva ao ‘Oscar’

‘O Pai’ aborda a relação entre Anthony (Anthony Hopkins) e Anna (Olivia Colman, conhecida por ‘The Crown’ e ‘A Favorita’), sua filha.  O patriarca passa a recusar sua ajuda enquanto seu estado mental vai se deteriorando.

O roteiro é adaptado de uma peça de Florian Zellers, escritor francês que o New York Times descreve como ‘o mais talentoso dramaturgo dos nossos tempos’.

O ‘Oscar’ consecutivo de Anthony Hopkins

A história que embarca no envelhecimento conquistou os festivais, colecionou indicações ao redor das premiações e agora vai para o páreo-duro do Oscar. Mas não é um filme para qualquer um, avisa Anthony Hopkins:

– Para esperar o ‘Oscar’, Cinelist oferece mais de 160 filmes indicados ao prêmio no passado

“Eu espero que a história não assuste as pessoas, mas eu também não acho que as vai confortar. Então eu apenas espero que ela cause algum impacto emocional no público, porque fala de uma tragédia humana da qual todos nós vamos sofrer um dia. Todos nós vamos morrer um dia”, afirmou Anthony Hopkins, em entrevista coletiva por videoconferência.

Performances de Olivia Colman e Anthony Hopkins estão sendo muito elogiadas. A crítica abraçou ‘O Pai’: filme alcança mais de 90% de aprovação no Metacritic, índice raro, e ganha selo de ‘Aclamação Universal’

O filme foi indicado para os ‘Oscar’ nas seguintes categorias:

  • Melhor filme
  • Melhor ator – Anthony Hopkins
  • Melhor atriz coadjuvante – Olivia Colman
  • Melhor roteiro adaptado – Christopher Hampton, Florian Zeller
  • Melhor direção de arte – Peter Francis e Cathy Featherstone
  • Melhor montagem – Yorgos Lamprinos (não confundir com Yorgos Lanthimos, diretor de The Lobster).

Confira o trialer legendado do filme: 

Essa é a segunda indicação consecutiva de Hopkins para o ‘Oscar’ de Melhor Ator. O patriarca do cinema estadunidense havia conquistado sua primeira indicação em vinte anos na premiação de 2020, quando concorreu por ter interpretado Bento XVI em ‘Dois Papas’, de Fernando Meirelles. Mas, ao que tudo indica, nesse ano ele vem como um dos favoritos.

“Mesmo sendo um filme forjado por diversas performances brilhantes com momentos realmente impressionantes, ele não necessariamente vai tocar seu coração ou te introduzir a personagens memoráveis: você provavelmente não vai se lembrar deles. Não é fácil de recomendá-lo e também é difícil amá-lo.”, afirma David Ehrlich, crítico de cinema da IW.

“‘O Pai’ existe por apenas um singelo motivo: tornar palpável um elemento inexplicavelmente cruel da condição humana, em uma forma reconhecível. E é capaz de fazer isso da melhor maneira possível: como só a arte consegue, mesmo”, completa.

Publicidade

Fotos: Divulgação/Sony


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.