Futuro

Japão vê cerejeiras florescerem mais cedo em 1,200 anos por causa da emergência climática

Vitor Paiva - 07/04/2021 | Atualizada em - 09/04/2021

A milenar tradição de aguardar e celebrar o florescer das cerejeiras no Japão veio mais cedo esse ano, e apesar da estonteante beleza do fenômeno, o motivo nada tem de belo: as mudanças climáticas têm antecipado a chegada da primavera no país, e com a estação cada vez mais quente, as árvores em 2021 tiveram o florescimento mais precoce já registrado – e como se trata de uma tradição realmente milenar, esse não é um registro recente: a data de floração das cerejeiras no país é documentada desde o ano 812.

flores das cerejeiras

O nascimento das flores das cerejeiras é motivo de festa popular no Japão desde o século VIII © PxHere

-Flor de cerejeira inspira a criação de cerveja, chocolate, cupcakes, roupas, tattoos e até cafés temáticos

Esse ano o florescimento aconteceu no dia 26 de março, um dia antes da maior antecipação já anotada ao longo dos 1209 anos de registro – em 1612, 1409 e 1236 as cerejeiras floresceram no dia 27, e o florescimento mais tardio da série histórica se deu no dia 5 de maio de 1323. Estudos comprovam não só que a data da floração é diretamente afetada pela temperatura do mês em questão – e do planeta – e que, desde a década de 70, ao ritmo do aquecimento do planeta as flores das cerejeiras vem nascendo cada vez mais cedo.

Hanami acontecendo em frente ao castelo Himeji, no Japão

Hanami acontecendo em frente ao castelo Himeji, no Japão © Wiki Commons

-Cerejeira feita com 800 mil peças de Lego entra para o Guinness

A importância de tais estudos é única: as notações sobre o surgimento das flores das cerejeiras no Japão são o mais antigo e completo registro sazonal do mundo, e servem como informação preciosa para esse tipo de variação de temperatura e das mudanças meteorológicas no planeta.

Hanami em Tóquio

Criança celebra a festa no parque Ueno, em Tóquio © Wiki Commons

-Cervos curtem um dia mágico em parque japonês sem humanos por perto

O fenômeno do nascimento das flores costuma acontecer em abril, mas como as  cerejeiras são muito sensíveis à temperatura, a data vem sendo cada vez mais antecipada – o florescimento ocorrido no último dia 26 de março na cidade de Kioto, porém, é o mais precoce já registrado em 1209 anos.

Flores nas cerejeiras do Japão

A notação do nascimento das flores no Japão é o maior e mais completo registro sazonal do mundo © Flickr/CC

A tradição das festas Hanami

Segundo os historiadores, a celebração do florescer das árvores e a observação das flores, conhecida como Hanami no Japão, remonta ao século VIII, e servia como símbolo da chegada da primavera – e do momento de se plantar arroz. Atualmente a simbologia das flores das cerejeiras representa esperança, beleza e renovação – e, não por acaso, desde sempre serve de inspiração e motivo para pintores, poetas e tantos outros artistas.

Hanami registrsado em pintura de Toyohara Chikanobu de 1894

Hanami registrsado em pintura de Toyohara Chikanobu de 1894 © Wiki Commons

-Emergência climática revela cadáveres ‘enterrados’ em geleiras

A milenar tradição costuma reunir multidões em parques para piqueniques e celebrações em qualquer lugar do país onde a árvore – uma das mais belas de toda a natureza – floresça. A diferença do Hanami em 2021 não se deu, é claro, somente pela precocidade preocupante na data: as circunstâncias da atual pandemia e as medidas para combater a Covid-19 fizeram com que esse ano as reuniões fossem consideravelmente menores e menos aglomeradas, ainda que o pais tenha encerrado recentemente o estado de emergência.

Flores de cerejeira no Japão

As flores simbolizam esperança e renascimento na cultura japonesa © Wiki Commons

Publicidade

© fotos: créditos


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, Vitor Paiva é mestre e doutor em Literatura, Cultura e Contemporaneidade pela PUC-Rio. Publica artigos, ensaios e reportagens, é autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores.

Warning: file_put_contents(/var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/functions/cache/twitter-stream-hypeness.txt): failed to open stream: Permission denied in /var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/functions/social.php on line 410


X
Próxima notícia Hypeness:
João Luiz, ex-‘BBB’, vai comandar programa que homenageia Paulo Freire