Sustentabilidade

Pescadores perdem bolada por erro no trato de atum azul; peixe foi vendido por R$ 1,8 mi no Japão

Redação Hypeness - 28/04/2021 | Atualizada em - 14/05/2021

Pescadores do Rio Grande do Norte fisgaram um atum azul de 400 quilos. Raro, o animal pode ser vendido por cerca de R$ 140 mil, conforme mostrou matéria do UOL. Acontece que a falta de trato com o peixe colocou tudo a perder. 

Leia também: Banhistas encontram maior peixe ósseo do mundo morto em praia do Ceará

O atum azul chegou a ser vendido por R$ 1,8 mi no Japão

Bolada por água abaixo 

O atum gigante passou cerca de 15 dias conservado no gelo, o que não é a melhor alternativa, dizem os especialistas. Gabriela Minora, gerente de Gestão Ambiental de Areia Branca, explicou ao UOL que os pescadores deveriam ter retornado à terra firme imediatamente. 

“[os pescadores] Deveriam ter interrompido a pescaria e retornado ao continente com o peixe ainda fresco”, ressaltou. Não foi o que aconteceu e o grupo, talvez pela falta de experiência, perdeu uma bolada daquelas. 

Pescadores utilizaram a tática de conservação errada

Os 15 dias no gelo não foram suficientes para manter o atum refrigerado e a qualidade da carne acabou prejudicada. Resultado, os pescadores terminaram dividindo a carne entre eles e moradores da comunidade de Areia Branca, também no Rio Grande do Norte. 

Para se ter ideia do valor do atum no mercado, um leilão realizado em 2020 no Japão conseguiu quase R$ 2 milhões por um atum azul de 278 kg

Publicidade

Fotos: Reprodução


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.