Debate

Wesak: entenda a Lua cheia de Buda e o impacto espiritual da celebração

Yuri Ferreira - 27/04/2021

Diversas pessoas estão comemorando o festival de Wesak ou Vesak nesta semana. A celebração budista com pés na astrologia celebra o nascimento, a iluminação e a morte de Siddharta Gautama, o Buda.

A conjunção astrológica que resulta nesse objeto – a primeira Lua Cheia de Touro –  pode ser um momento para você, jovem místico, aproveitar para encontrar o seu caminho de iluminação nesse complexo ano de 2021, ou para conhecer mais sobre o budismo theravada.

– Tanabata Matsuri: Festival das Estrelas terá versão digital e com ‘drive thru’

Peregrinos budistas indonésios celebram o Wesak em peregrinação em Java

Lua cheia de Buda 

Resumidamente, o budismo theravada acredita que Buda tenha nascido, alcançado a iluminação e falecido no mesmo período do ano: a primeira Lua cheia no mês de Maio. Como o ponto de observação da Lua cheia varia de país para país, os budistas theravadas brasileiros celebram o Wesak hoje. Em outros países, a celebração será feita apenas no dia 26 de maio, na segunda Lua do período do mês.

O Wesak é o festival de Lua cheia mais comemorado do mundo e é feriado em diversos países do sudeste e do leste asiático, além de ser comemorado em todos os países com maioria do budismo theravada e tibetano. Ele é também comemorado por alguns setores do hinduísmo que consideram Buda dentro da cosmogonia hindu.

– O templo branco na Tailândia onde o céu e o inferno se encontram 

Durante a cerimônia, os budistas se reúnem em grupos grandes (algo que infelizmente foi impedido por conta da pandemia) e celebram o Buda, o Dharma e seus ensinamentos, além de Sanga, a comunidade monástica que estuda os ensinamentos de Siddharta Gautama.

A Superlua rosa iluminou o céu de Paris nesta terça (26)

O período também está enquadrado no Ramadã islâmico. Em países como Myanmar ou Indonésia, onde a população é dividida entre muçulmanos e budistas, os meses de abril e maio são marcados por celebrações religiosas.

A ONU reconheceu nos anos 1990 o Wesak como festival de celebração religiosa e desde então adota o feriado como um dia de festa dentro de seu calendário oficial, além de escolher um país para receber grandes celebrações internacionais em homenagem ao Buda iluminado. A nação que mais abrigou o Wesak foi a Tailândia, segundo país mais budista do mundo, em que 93% da população segue os ensinamentos de Gautama.

Wesak em tempos de pandemia de covid-19

– 6 conselhos ‘sincerões’ da Monja Coen para você fazer um detox da mente 

Para alguns teóricos da astrologia, a Lua cheia em Escorpião durante o signo solar de Touro pode ser uma grande analogia para a existência do próprio Buda. O equilíbrio entre a lua (que representa as sombras da nossa alma e o lado mais obscuro de nossa alma) e o Sol (iluminação poderosa), entre escorpião (profundidade, escuridão, conhecimento dos ciclos) e touro (estabilidade, estética, materialismo). O evento astrológico vai acontecer concomitante à superlua rosa dessa terça-feira. Entenda:

– Superlua rosa está programada para semana que vem 

 

Publicidade

Fotos: Getty Images


Yuri Ferreira
Jornalista formado na Escola de Jornalismo da Énois. Já publicou em veículos como The Guardian, UOL, The Intercept, VICE, Carta e hoje escreve aqui no Hypeness.