Debate

CEO do Vale do Silício é demitido por tomar LSD no trabalho

Redação Hypeness - 10/05/2021

A Iterable é uma das principais start-ups de marketing digital dos EUA. A empresa especializada em marketing multi-plataformas era comandada pelo executivo Justin Zhu, ex-engenheiro de software do Twitter. Mas ele foi desligado da empresa após ser descoberto consumindo LSD em formato de microdose.

– Brasil lidera frente mundial de pesquisa sobre uso medicinal de LSD, cogumelos, MDMA e Ayahuasca

Defensores da microdose acreditam que ela pode ter impacto na concentração e criatividade, mas ciência afirma que o efeito é psicossomático

O executivo da empresa, que tem valor estimado em 2 bilhões de dólares, consumia pequenas doses da droga – insuficientes para causar uma alteração na consciência – como uma forma de estimular a criatividade e sua pró-atividade no trabalho.

– O que levou uma cidade inteira a alucinar como se tivesse tomado LSD

A técnica é chamada de microdosing e não tem comprovação científica, mas é amplamente adotada no Vale do Silício – de onde Zhu vem – e em outros ambientes corporativos. Resumidamente, a técnica se baseia que pequenas doses de alucinógenas de diversos tipos, como psilocibina e LSD, podem estimular psicologicamente o usuário.

Em estudos duplo-cego, as drogas não foram necessariamente eficazes para esse fim: pelo contrário, se mostraram menos eficientes que placebos para aumento de foco e criatividade. Por outro lado, estudos de menor escala mostraram que o LSD em microdoses pode desacelerar o Alzheimer.

Zhu foi desligado da empresa, que afirmou que o comportamento não era compatível com o perfil da Iterable. Segundo Andrew Boni, que co-fundou a empresa com Justin, o consumo de drogas vai contra os valores promovidos pela empresa e pelo código de ética dos trabalhadores.

De acordo com a Bloomberg, que publicou a informação em primeira mão, mesmo com o executivo em plenas funções sociais e sem alteração real do estado de consciência, a mesa de acionistas afirmou que duvidava de sua capacidade de liderar a companhia.

– A impressionante carta escrita pela esposa de Aldous Huxley após injetar LSD em seu marido no leito de morta

O consumo de drogas que aumentam a performance é comum entre executivos do Vale do Silício. Em geral, as drogas da produtividade utilizadas são estimulantes utilizados no tratamento de TDAH, mas segundo a Bloomberg, o comportamento da Iterable pode iniciar uma cruzada moral no berço da tecnologia mundial, tendo em vista a amplitude do consumo de entorpecentes nas start-ups e big techs.

Publicidade

Fotos: © Getty Images


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Notice: date_default_timezone_set(): Timezone ID 'UTC-3' is invalid in /var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/part/home/brand-channel.php on line 29

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.