Futuro

Reino Unido quer liberar carros que ‘andam sozinhos’ ainda este ano

Vitor Paiva - 03/05/2021 | Atualizada em - 12/05/2021

O governo britânico afirmou que os carros autônomos ou controlados parcialmente por computadores estarão autorizados a rodar no Reino Unido até o fim do ano – basicamente, o país vai passar a permitir rodar os carros “que andam sozinho”. Segundo o Departamento de Trânsito do país. os veículos equipados com sistemas de assistência de direção que controla aceleração, manutenção de posição na faixa e freio poderão rodar de forma parcialmente autônoma em velocidade máxima de até 60 km/h nas rodovias – mas o que isso na prática quer dizer?

Veículo autônomo

A nova lei permitirá que o motorista retire as mãos do volante nos carros especiais

-UPS testa entregas com caminhões autônomos nos EUA

A nova lei está em fase final de aprovação, e afirma que os motoristas, a partir de determinado ponto sinalizado em uma estrada ou via, não serão obrigados a manter as mãos no volante ou mesmo atenção na estrada, e poderá permitir que o sistema controle o carro. Para segurança geral, a legislação obrigará que os veículos emitam um sinal caso seja necessário que o ser humano reassuma a direção – e caso em 10 segundos a direção não seja assumida, o sistema irá reduzir a velocidade e acender as luzes de emergência.

Veículo autônomo

Um veículo autônomo da Nissan em teste no ano passado

-Google sai na frente de Uber e será primeiro a ter táxis autônomos nas ruas dos EUA

Não se trata, portanto, de uma autonomia completa ou sem qualquer participação de uma pessoa na condução do veículo – a norma considera a autonomia de nível 3, na qual a direção é dividida entre computadores e seres humanos. A iniciativa visa a redução de congestionamentos e principalmente na redução de acidentes de trânsito: segundo estudos, 85% dos acidentes no país ocorrem por conta de erros humanos, que seriam anulados com o uso do computador como motorista.

Trânsito em Londres

A ideia é que a lei reduza acidentes e o trânsito no Reino Unido

-Hyundai pretende lançar serviço de táxi robô gratuito ainda este ano

Há, porém, controvérsias a respeito das expectativas de melhorias que os carros autônomos podem trazer ao tráfego no país e na segurança no trânsito de modo geral. Um estudo realizado pela Universidade da California em 2019 afirma que os carros autônomos na realidade podem piorar o trânsito nas grandes cidades. Além disso, alguns acidentes já aconteceram envolvendo carros conduzidos por computadores em teste – como quando um Uber autônomo em teste atropelou e levou à morte a pedestre Elaine Herzberg no estado do Arizona, nos EUA.

Publicidade

© fotos: Getty Images


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, doutorando em literatura pela PUC-Rio, publica artigos, ensaios e reportagens. É autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.


Warning: file_put_contents(/var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/functions/cache/twitter-stream-hypeness.txt): failed to open stream: Permission denied in /var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/functions/social.php on line 410


X
Próxima notícia Hypeness:
Sustentabilidade social: por que ela é fundamental para um futuro mais justo?