Debate

Voto impresso é ridicularizado em vídeo do TRE em defesa da urna eletrônica

Redação Hypeness - 17/05/2021

O Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR) publicou um vídeo em sua conta no TikTok ridicularizando os defensores da adoção do voto impresso no Brasil. A ideia tem sido promovida pelo presidente Jair Bolsonaro que afirma, sem provas, que o sistema de votação por urna eletrônica no Brasil é fraudulento.

– Com réplica de urna, Google cria ação para combater fake news nas eleições 

Em ato no último sábado, presidente ameaçou o sistema eleitoral e aceitou derrotismo, afirmando que outro candidato irá ganhar a eleição caso as regras do jogo não sejam alteradas

Bolsonaro adota a mesma prática que o ex-presidente estadunidense Donald J. Trump. Durante a corrida presidencial do ano passado, Trump afirmou que o voto por correio, sistema de votação adotado em alguns estados dos EUA, era fraudulento, novamente sem provas. Agora, Bolsonaro, que está fragilizado nas pesquisas eleitorais para 2022, move seu discurso contra as urnas eletrônicas.

As urnas eletrônicas são adotadas no Brasil há 25 anos e nunca houve sequer um registro de fraude em sua utilização. Isso porque o sistema das urnas eletrônicas não é em rede. As urnas não ficam ligadas em uma conexão de internet ou intranet.

Para realizar um esquema de fraude nas urnas eletrônicas, seria necessário que houvesse um hacker em cada sessão eleitoral. Somente em São Paulo, maior estado do país, há mais de 400 zonas eleitorais divididas em centenas de sessões. Seriam necessárias dezenas de milhares de pessoas para cometer um esquema de fraude em massa, capaz de alterar os resultados de uma eleição presidencial no Brasil.

Em 2018, Bolsonaro foi eleito pelas urnas eletrônicas.

Em protesto no último sábado, Jair Bolsonaro disse que deseja mudar o sistema de votação no Brasil. “Queremos eleições em 2022 onde (sic) o voto possa ser auditado. Se tiraram da cadeia o maior canalha da história do Brasil, se para esse canalha foi dado o direito de concorrer, o que me parece é que se não tivermos o voto auditável, esse canalha, pela fraude, ganha as eleições do ano que vem. Não podemos admitir um sistema eleitoral que é passível de fraude”, afirmou Bolsonaro.

Voto impresso é volta ao passado

A proposta apoiada pelo presidente seria uma volta aos anos 30. Bolsonaro defende a volta de um ‘comprovante de votação’, um documento que confirmaria ao cidadão em quem ele voltou. Esse sistema aumentaria proporcionalmente a compra de votos; dessa forma, candidatos que compraram votos de eleitores teriam um comprovante de que receberiam os votos comprados.

Sem conexão com redes externas, é praticamente impossível fraudar sistema eleitoral brasileiro

Os especialistas em sistemas eleitorais afirmam que a volta do voto em papel seria um desastre. “Tivemos problemas pavorosos na contagem dos votos de papel. De modo que o advento das urnas eletrônicas mudou a qualidade da democracia no Brasil e desde então ela vem sendo utilizada pelo sucesso, jamais sendo documentado se quer um caso de fraude”, afirma o ministro Roberto Barroso, presidente do Tribunal Superior Eleitoral.

Confira o vídeo do TRE-PR:

@tre_prA urna eletrônica é 100% segura 🔒

♬ Moves Like Jagger by Stantough on YouTube – Mike Alfaro

É, parece que tem gente que quer mesmo voltar para a Idade Média.

Publicidade

Fotos: Foto 1: Getty Images Foto 2: TSE


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.