Ciência

Ciência encontra esqueleto de 1º infectado pela peste bubônica, morto há 5 mil anos

Redação Hypeness - 30/06/2021

Os cientistas da Universidade de Kiel descobriram o esqueleto de um ser humano com 5,3 mil anos de idade que morreu de peste bubônica. O esqueleto desse homem descoberto na Letônia é o mais antigo registro de uma morte causado pela peste que, 4 mil anos depois, varreria a Europa na pandemia mais fatal da história da humanidade.

– Do coronavírus a gripe espanhola: as maiores pandemias da humanidade

Crânio do homem que foi vitimado pela Yersinia pestis durante o período neolítico na atual Letônia

O novo dado quebra a tese de que a peste bubônica teria nascido na China e depois sido levada para a Europa (te lembra alguma coisa?). Agora, o novo ‘paciente zero’ da doença mostra que a doença pode ter surgido no Velho Continente e posteriormente ter migrado para a Ásia e Oriente Médio, para voltar novamente às terras europeias milênios depois.

– Consumo de carne de animal silvestre está ligado com 1ª morte por peste bubônica de 2020 

O homem estava enterrado em um cemitério neolítico no que hoje é a Letônia, às margens do rio Salaca, no norte do país. Ao sequenciarem o DNA dos dentes e dos ossos do cadáver, os pesquisadores descobriram cepas da bactéria que causa a peste bubônica.

“Ele provavelmente foi mordido por um roedor, pegou a infecção primária de Yersinia pestis e morreu alguns dias [depois] – talvez uma semana depois — de choque séptico”, disse Ben Krause-Kyora, da Universidade de Kiel, na Alemanha, sobre os restos mortais do homem de 5,3 mil anos.

– Escolas ao ar livre criadas para combater a tuberculose no início do século 20 

Segundo os pesquisadores, a tese é que ele foi infectado antes do patógeno ser transmissível por pulgas. Segundo os especialistas, essa era uma cepa anterior da bactéria. Eles acreditam que a doença evoluiu para posteriormente causar as grandes ondas que dizimaram a população de Europa, Oriente Médio e Ásia anos depois.

Publicidade

Fotos: Dominik Goldner, BGAEU, Berlin


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.