Ciência

Covid: São Luis agenda vacinação de jovens 18 anos e oferece R$ 10 mil por 2ª dose

Redação Hypeness - 16/06/2021

A cidade de São Luis, capital do Maranhão, já vacinará jovens de 18 anos contra a covid-19 na próxima semana. A capital maranhense recebeu uma remessa a mais de doses do imunizante para conter o espalhamento da variante indiana que chegou à Ilha.

– Brasil não quis vacina da Pfizer contra covid por metade do preço pago por EUA

Campanha eficaz de vacinação do Maranhão deve servir de exemplo ao Brasil

São Luis é a única capital brasileira que já vacina pessoas com menos de 30 anos de idade e até o ‘turismo vacinal’ já é registrado no município. Foram mais de 310 mil doses enviadas a mais para a Ilha (que, além de São Luis, conta com uma região metropolitana), na tentativa de barrar novas variantes de entrar no país. Entretanto, no resto do Maranhão, a vacinação continua na velocidade normal:

– Serrana controlou pandemia com vacina e é exemplo para o Brasil

“Considerando esse quantitativo extra de doses aos municípios da grande Ilha, esses podem dar essa celeridade na vacinação em massa da sua população, o que difere dos demais municípios do estado, que estão recebendo quantitativos de doses referentes ao público-alvo disposto no PNO, então é um quantitativo menor e para um público menor”, explica a Superintendente de Epidemiologia e Controle de Doenças da Secretaria de Estado da Saúde (SES), Tayara Pereira, ao Brasil de Fato.

O governo maranhense comandado por Flávio Dino (PCdoB) tem feito um ‘Arraiá da Vacinação’, onde quem se imuniza ganha um doce típico junino.

– Covid: 16 mil pessoas foram imunizadas com doses de vacina trocadas no Brasil

A ideia é baseada no que vem ocorrendo nos EUA; o país que mais vacina no planeta opera tentativas para barrar o negacionismo anti-vacina, oferecendo dinheiro, cerveja e até maconha para quem se vacinar contra a covid-19.

O governo também anunciou sorteio de prêmios que variam entre R$ 1 mil e R$ 10 mil para quem tomar a segunda dose da vacina.

– Covid: Brasil pode demorar mais de 600 dias para vacinar população

A medida foi tomada porque o Brasil enfrenta um grave problema com relação à segunda dose: pelo menos um milhão de pessoas que tomaram a primeira dose não foram se vacinar com a segunda, o que pode afetar a imunização do país como um todo.

Publicidade

Fotos: Divulgação/Governo do Maranhão


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.


Warning: file_put_contents(/var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/functions/cache/twitter-stream-hypeness.txt): failed to open stream: Permission denied in /var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/functions/social.php on line 410


X
Próxima notícia Hypeness:
SC registra mais de 500 meteoros e estação bate recorde; veja fotos