Inspiração

‘Robison Crusoé’ da vida real é obrigado a deixar a ilha onde viveu sozinho por 32 anos

Vitor Paiva - 02/06/2021 | Atualizada em - 07/06/2021

O italiano Mauro Morandi é o único habitante da Ilha de Budelli, no arquipélago de Maddalena, ao norte da região da Sardenha, no país. Vivendo na ilha de 1,6 km2 desde 1989 como um Robinson Crusoé da vida real, Morandi anunciou recentemente em sua página no Facebook que em breve irá deixar o local, cansado de lutar contra aqueles que, segundo diz, querem há duas décadas tirá-lo de lá: a ilha é uma das sete que formam o Parque Nacional do Arquipélago de Maddalena, e hoje pertence ao estado italiano.

O italiano Mauro Morandi

Mauro Morandi mora na Ilha há 32 anos

-Que tal ter uma ilha para chamar de sua?

“Já faz 20 anos que luto contra quem quer me expulsar, ainda que eu tenha o apoio de todos vocês, mas agora realmente fiquei de saco cheio e irei embora, esperando que, no futuro, Budelli seja protegida da mesma forma que eu faço há 32 anos”, escreveu Morandi. A decisão de deixar a ilha vem, portanto, depois do anúncio de que o parque irá reformar o local, para torná-lo em um observatório ambiental, e que o senhor, hoje com 81 anos, teria de deixar Budelli. “Eu desisti de lutar”, afirmou. “Depois de 32 anos aqui, estou triste de ir embora. Eles me disseram que irão fazer uma obra na minha casa, e dessa vez parece ser de verdade”.

O italiano Mauro Morandi

Além de cuidar da ilha, a leitura é um dos hábitos preferidos do italiano

-Festival seleciona cinéfilo para assistir filmes por 1 semana em farol perdido no meio do mar

Ao longo dos anos, Morandi dedicou-se a cuidar do local, limpando as praias e trilhas, mantendo a água e a areia impecáveis, assim como educando turistas eventuais sobre ecologia e aquele ecossistema que se tornou sua casa. Desde 1990 não é permitido nadar ou visitar as areias da ilha, mas é permitido passear de barco durante o dia, ou andar em uma trilha atrás da praia, conhecida como “Praia Rosa”, por conta de um micro-organismo chamado Miniacina miniacea.

Praia da Ilha de Budelli

A famosa “praia rosa” da Ilha

-Marinheiros resgatados em ilha no Pacífico desenharam ‘SOS’ na areia

Outros fatores, como os efeitos da idade e os cuidados com sua diabetes, o frio do inverno e as dificuldades com a pouca eletricidade – para manter, por exemplo, uma geladeira – influenciaram na decisão do eremita de enfim mudar-se para o continente. Morandi chegou a Budelli durante uma viagem de catamarã com amigos e sua então namorada, que iria até a Polinésia: muito antes de alcançar seu destino, porém, durante uma visita ao arquipélago e ao descobrir que o guardião da ilha iria deixar o local, Morandi decidiu assumir informalmente sua função e sua casa, para viver sozinho em uma antiga estação de rádio militar da Segunda Guerra.

Casa de Morandi na Ilha de Budelli

A casa onde Morandi vivia na ilha

-Ilha privada está à venda na Escócia pelo preço de um apartamento em SP ou RJ

Diversas petições e mobilizações populares ajudaram a mantê-lo morando na ilha, que por anos foi propriedade privada, até passar a ser administrada pelo estado italiano em 2016. “Ele simboliza um ser humano encantado pelos elementos que decide devotar sua vida à custódia e à contemplação”, afirmou o presidente do parque. “Ninguém ignora seu papel a sua importância histórica para o local, mas é muito difícil encontrar um arranjo contratual para alguém em sua posição”.

Ilha de Budelli

A ilha tem visita controlada desde os anos 90

Segundo afirmou em seu post, Morandi torce para poder voltar à ilha depois da obra, mas já alugou um apartamento na cidade de La Maddalena, localizada no arquipélago – e de frente para o mar.

O Italiano Mauro Morandi

Morandi foi morar em uma cidade no próprio arquipélago

Publicidade

© fotos: Mauro Morandi/reprodução


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, Vitor Paiva é doutor em Literatura, Cultura e Contemporaneidade pela PUC-Rio. Autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores, publica artigos, ensaios e reportagens.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.