Gastronomia

Engenheiro bate recorde de maior pilha de M&M’s já registrada; quantidade surpreende

Vitor Paiva - 23/07/2021

Você já tentou fazer uma pilha de M&M’s colocando um confeito de chocolate sobre o outro? Pois se essa pode parecer para muitos uma tarefa patética, saiba que foi assim que o engenheiro britânico Will Cutbill recentemente imortalizou seu nome no Livro dos Recordes. E quem pensa se tratar de feito fácil e simples, vale explicar que o feito é extremamente difícil, ao ponto que para entrar no Guinness a pilha que Cutbill empilhou era formada por somente 5 unidades de M&M’s.

Will Cutbill bate recorde empilhando M&Ms

A concentração foi parte essencial para Will Cutbill em seu recorde

-Conheça a história do homem que dedicou a vida a quebrar recordes

Pois o recorde anterior era dividido entre o italiano Silvio Sabba e o australiano Brendan Kelbie, que haviam conseguido empilhar 4 dos clássicos confeitos de chocolate. “Geralmente eu sou o tipo de cara que gosta de barras de chocolate, mas desta vez o saco de M&Ms me chamou e, cara, estou feliz que isso aconteceu”, afirmou o novo recordista ao Guinness. “No começo não eram muitos, até que um dia pensei direito, vamos quebrar isso, então me sentei muito determinado para concluí-lo”, disse.

Will Cutbill bate recorde empilhando M&Ms

O momento em que a pilha foi alcançada

-Uniram 576 border collies e criam um recorde da fofura na Austrália

A maior pilha de M&M’s já registrada foi formada por um confeito marrom, um amarelo, um verde e dois vermelhos – um em cada extremidade da pilha. O vídeo registrando o feito mostra diversas tentativas anteriores, entre as quais algumas em que o engenheiro conseguiu igualar o recorde até então alcançado de 4 confeitos empilhados – até que enfim o quinto M&M’s é posto sobre a pilha, levando Cutbill a celebrar, extasiado, seu feito. “Sempre tive a ambição de quebrar um título do Guinness World Records, sempre quis um. Comprei os livros todos os anos e sempre sonhei em um dia ler meu nome nele”, comentou.

-M&M’s lança creme de chocolate e avelã próprio para concorrer com a Nutella

“É uma verdadeira loucura que agora eu possa dizer que sou um detentor do título do Guinness World Records! Isso é algo com que sonhei durante toda a minha vida! Vou colocar direto na bio do Insta.” O recorde foi batido no dia 31 de janeiro de 2021, mas a oficialização com direito a certificado do Guinness veio recentemente – assim como o inevitável post no Instagram do novo recordista, que cumpriu sua promessa e colocou o recorde na bio de seu perfil.

Will Cutbill bate recorde empilhando M&Ms

Will Cutbill com seu recorde certificado

Publicidade

© fotos: Guinness/reprodução


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, Vitor Paiva é doutor em Literatura, Cultura e Contemporaneidade pela PUC-Rio. Autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores, publica artigos, ensaios e reportagens.