Ciência

Recorde de pessoa mais velha do mundo será batido ainda nesse século, garante estudo

Vitor Paiva - 06/07/2021 | Atualizada em - 08/07/2021

O recorde de longevidade de um ser humano foi estabelecido em 1997 pela francesa Jeanne Calment, mas um novo estudo realizado recentemente pela Universidade de Washington é categórico ao afirmar que um novo recorde será estabelecido ao nesse século. Calment viveu comprovadamente 122 anos e 164 dias e, ainda que a marca se mantenha intocada há 24 anos em dados oficiais, a pesquisa baseada nas informações levantadas a partir do International Database Longevity, um banco de dados sobre longevidade do Instituto de Pesquisas Demográficas Max Planck, dá 100% de certeza que o recorde dos anos 90 será batido ainda no século XXI.

Jeanne Calment em seu aniversário de 120 anos, em 1995

Jeanne Calment em seu aniversário de 120 anos, em 1995 © Getty Images

-Juntos há 79 anos, casal mais velho do mundo esbanja amor e carinho

Segundo publicação no site da Universidade de Washington, o número de seres humanos que superam a marca dos 100 anos de idade só aumenta ao longo das últimas décadas, com cerca de meio milhão de pessoas centenárias no mundo hoje. O estudo utiliza modelos estatísticos para examinar os extremos da vida humana, e considera avanços tecnológicos e médicos para tal cálculo. Os chamados “supercentenários”, que passam da casa dos 110 anos, são consideravelmente mais raros – atualmente a pessoa mais velha do mundo confirmada é a japonesa Kane Takana, com 118 anos.

Nascida em 1875, Calment tinha 20 anos quando dessa foto, em 1895

Nascida em 1875, Calment tinha 20 anos quando dessa foto, em 1895 © Wikimedia Commons

-Esta baterista de 106 anos arrasa com as baquetas desde os 12 anos de idade

A conclusão do estudo, publicado no final de junho na revista Demographic Research, que a probabilidade de alguém bater o recorde de Calment é de 100%; de alcançar os 124 anos de idade é de 99%, e até os 127 anos é de 68%. Quando o cálculo sugere a hipótese de alguém chegar a 130 anos, a probabilidade reduz consideravelmente, para a casa dos 13% – até, por fim, sugerir que a chance de alguém ainda nesse século alcançar a idade de 135 anos é “muito improvável”. Takana, a pessoa mais velha viva do mundo, é também a terceira pessoa mais velha já registrada, e a pessoa japonesa mais velha documentada na história.

Aos 118 anos, a japonesa Kane Takana é a pessoa viva mais velha do mundo

Aos 118 anos, a japonesa Kane Takana é a pessoa viva mais velha do mundo © Gerontologia Wiki

-A maravilhosa alagoana de 117 anos que está desafiando o Guinness com sua idade

A publicação no site da Universidade lembra que elementos variados influenciam a longevidade, como políticas públicas, variantes econômicas, cuidados médicos e mesmo decisões pessoais, e que o cálculo segue o crescimento populacional, se baseando no aumento da população supercentenária. O banco de dados utilizado como base para o estudo, financiado pelo National Institute for Child Health and Human Development, trabalha com informações de supercentenários de 10 países europeus, e ainda Canadá, Japão e EUA, e utilizou o método de estatística bayesiano para a conclusão.

Takana aos 20 anos em 1923

Takana aos 20 anos, em 1923 © Wikimedia Commons

Publicidade

© fotos: créditos


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, Vitor Paiva é mestre e doutor em Literatura, Cultura e Contemporaneidade pela PUC-Rio. Publica artigos, ensaios e reportagens, é autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores.

Warning: file_put_contents(/var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/functions/cache/twitter-stream-hypeness.txt): failed to open stream: Permission denied in /var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/functions/social.php on line 410


X
Próxima notícia Hypeness:
Navio de guerra do século 2 a.C. é encontrado perto de Alexandria