Ciência

Antivacina morto pela covid tirou foto com respirador para mostrar arrependimento

Vitor Paiva - 04/08/2021

A morte do britânico Matthew Keenan tristemente se tornou um tipo de história recorrente no contexto da atual pandemia, que confirma a ignorância e o negacionismo como dois agravantes fundamentais para o quadro das milhões de vítimas da Covid-19 no mundo. Morador da cidade de Bradford, ao norte da Inglaterra, Keenan se posicionava publicamente como “cético” diante da vacina, e por isso havia se recusado a tomar suas doses devidas: o homem então pegou a doença e, antes de perder a vida, decidiu publicar uma foto sua usando a máscara de oxigênio no hospital como apelo para que as pessoas tomem a vacina.

antivacina que veio a falecer de Covid no Reino Unido

A triste foto registrada dias antes do falecimento do inglês © Leanne Cheyne

-‘Maior erro da vida’, diz professor que não se vacinou e teve covid grave

Quem publicou a imagem foi a pneumologista Leanne Cheyne, que cuidou de Keenan no hospital, e revelou que o paciente de 34 anos havia lhe contado que desejava “voltar no tempo” e se imunizar contra a doença. “Matthew concordou com que eu compartilhasse a história dele. 34 anos, treinador de futebol e pai”, escreveu Cheyne. “Nossos pacientes mais graves não tomaram a vacina e têm menos de 40 anos. Matthew está lutando pela vida… Salvem as suas”, comentou em seu perfil no Twitter no dia 11 de julho – a publicação foi feita a pedido do paciente.

Matthew Keenan

Matthew era conhecido na região por seu trabalho como treinador © Facebook

-Juliano Cazarré fala sobre recusa em tomar vacina contra a covid-19

Keenan, que era conhecido na região por seu trabalho como técnico de futebol, costumava fazer publicações questionando a eficácia da vacina, e postou no último dia 2 de julho em seu perfil no Facebook que havia testado positivo para a Covid-19 – sem comorbidades nem doenças prévias diagnosticadas, sua morte foi confirmada no dia 26 de julho. “Ele era como muitos de nós, pensava que ia melhorar e voltar pra casa, mas não voltou”, comentou Theresa Keenan, mãe de Matthew. à imprensa local.

Matthew Keenan e sua mãe

Matthew e sua mãe, Theresa Keenan © Reprodução/Facebook

-Governo é acusado de negacionismo e falta de transparência sobre risco de apagão

Segundo a Sra. Keenan, a ideia de postar sua tocante imagem sentado à cama do hospital usando uma máscara de um respirador CPAP para ventilação tinha o objetivo de tornar público o arrependimento do filho e incentivar a vacinação na cidade, mas acabou ganhando o mundo. “Eu não quero que a morte de Matthew tenha sido em vão”, comentou sua mãe. “Espero que as pessoas pensem que se aconteceu com ele, poderá acontecer com elas”, concluiu. Matthew Keenan era pai de três crianças: Ashlee, de 14 anos, Bobby Gerrard, de 10 anos, e Terry-Lee Suarez.

Matthew Keenan

Keenan vinha recorrentemente postando nas redes contra a vacinação © reprodução

Publicidade

© fotos: créditos


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, Vitor Paiva é doutor em Literatura, Cultura e Contemporaneidade pela PUC-Rio. Autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores, publica artigos, ensaios e reportagens.