Tecnologia

De emoji a dinheiro: a evolução do que enviamos pelas redes sociais

Redação Hypeness - 16/08/2021

As redes sociais nos deram a chance de compartilhar muitas coisas nos últimos anos – e essas possibilidades aumentam a cada dia. Se em algum momento já era ótimo poder trocar mensagens, documentos e fotos, hoje já podemos até fazer transferência de dinheiro. 

Memes, emojis, músicas, arquivos, pedidos de atenção, gifs, figurinhas. Pelas redes sociais descobrimos formas de mostrar carinho, de manter contato com pessoas que estão distantes, demonstrar sentimentos e ideias inteiras com poucas imagens. 

Vamos de nostalgia até as mais recentes inovações ao te mostrar como esse compartilhamento evoluiu:

Oh-ou

Em 1996, o ICQ explodiu no Brasil, atingindo o primeiro milhão de usuários um ano depois. Em 2003, tornou-se uma das empresas mais bem-sucedidas da internet. Ali era possível enviar e receber mensagens, sons para chamar a atenção e emojis – na época chamados de smiles -, este último considerado o pai dos gifs.

Rainbow Cat GIFs - Get the best GIF on GIPHY

Qual é a música?

O MSN surgiu em 1999 e se tornou o líder do segmento no Brasil. Oferecia recursos engraçadinhos como a possibilidade de exibir ao lado do username qual música estava tocando naquele momento. 

Diário fotográfico

Quantas pessoas ficavam esperando dar meia noite para fazer a inscrição no fotolog.net? Certamente hoje elas têm mais de 30 anos, tomam café da manhã e jogam o cabelo de lado. Ali era possível postar fotos, criando um blog pessoal, recebendo comentários dos amigos. Um pré Instagram.

Comunidades e momentos

No Orkut conseguimos compartilhar interesses criando comunidades por temas e enviando depoimentos e scraps para os amigos e montando álbuns de fotos.

Lives vintages

No Facebook descobrimos como compartilhar momentos ao vivo, todo o tipo de vídeo, link, meme e notícia. 

Dos memes aos dinheiros

Pelo WhatsApp, é possível compartilhar quase tudo. Fomos de mensagens a arquivos, fotos, gifs e as maravilhosas figurinhas. Agora podemos até fazer transferência de dinheiro, sem sair do aplicativo. O cadastro e o uso são muito fáceis e, ao transferir utilizando Mastercard, uma doação é feita para a ONG Ação da Cidadania, que combate a fome no país.

As redes sociais facilitaram nossa vida e agora estamos indo cada vez mais longe. Os serviços estão mudando e chegando com tudo para deixar nosso dia a dia mais simples. Quais serão os próximos passos?

Publicidade

Fotos: Reprodução


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.