Gastronomia

Haya Falafel: carrinho de lanches veganos vira uma rede de sucesso com delivery

Gabriela Rassy - 17/08/2021

A palavra “Haya” tem origem árabe e significa “Vida”. Tudo a ver com o conceito do restaurante vegano criado em 2016 por João Previ e Shajar Goldwaser, inicialmente como um projeto itinerante para feiras e eventos. Mal eles podiam imaginar que cinco anos depois eles passariam a ter duas lojas e uma fábrica própria para produzir e entregar por delivery delícias que apostam no veganismo.

Foram meses de testes com diferentes receitas de Falafel até colocarem em prática durante um encontro entre amigos. “Desde o início do projeto, pensamos e idealizamos uma comida que fosse rápida, acessível e deliciosa. Testamos diversas fórmulas e adaptamos a receita de origem árabe ao gosto do brasileiro, priorizando sabor, textura e as cores do lanche”, explica João.

Todos os produtos fabricados e vendidos pelas unidades localizadas em Pinheiros e no Tatuapé são veganos, bem temperados e no ponto. As opções são variadas, mas os itens mais vendidos são o tradicional lanche de falafel no pão sírio e o carro chefe da casa, o lanche enrolado na folha de couve.

Destaque ainda para o hummus, pasta árabe feita com grão de bico e a pasta de gergelim tahine. A casa ainda trabalha com uma versão de abóbora da pasta, que vai muito bem com o falafel.

“Trabalhamos com um cardápio reduzido, voltado aos nossos melhores itens. São porções, pratos, saladas e é claro, os lanches. Também temos sucos especiais como a Limonada Roxa, feita com amora, limão e pimenta de cheiro”, explica.

João revela que o veganismo nunca foi algo que limitasse a atuação do Haya e que, pelo contrário, ajudou a expandir a percepção à procura de novos ingredientes, sabores e texturas.

“Temos como norte a busca por uma alimentação que combine o frescor das frutas e vegetais com a leveza e saúde que elas proporcionam. Além disso, ao deixar de lado ingredientes de origem animal, buscamos criar receitas veganas mais acessíveis com insumos locais e ingredientes do cotidiano”, comenta o empresário.

Onde comer as delícias veganas do Haya

Até 2021 o Haya contava com espaço físico na Vila Madalena para receber os clientes, mas nesse semestre, por conta da Pandemia, adaptou toda a operação para o delivery.

“Hoje nossas unidades recebem, em média, mais de 3000 lanches por mês e isso mostra como o paulistano tem se preocupado em comer melhor, sem abrir mão do sabor de suas refeições”, comenta.

Os pedidos podem ser feitos de segunda a domingo via iFood, Rappi e Uber Eats ou com a retirada nas próprias unidades.

Publicidade

Fotos: Divulgação


Gabriela Rassy
Jornalista enraizada na cultura, caçadora de arte e badalação nas capitais ensolaradas desse Brasil, entusiasta da cena musical noturna e fervida por natureza.