Sustentabilidade

Povos indígenas fazem maior mobilização da história contra ‘combo da morte’ fortalecido por Bolsonaro

Redação Hypeness - 25/08/2021

Enquanto o futuro dos povos indígenas, originários e do meio ambiente no Brasil é decidido no que vem sendo descrito com o julgamento do século realizado pelo Supremo Tribunal Federal, em Brasília, grupos se reuniram, a partir do último domingo (22), em frente ao Congresso Nacional no que já está sendo considerada a maior mobilização da história.

Divididos entre 170 diferentes tribos, mais de seis mil indígenas se posicionaram contra o “marco temporal” do governo Jair Bolsonaro, que coloca em risco 303 demarcações de terras indígenas no país e dá vantagem aos ruralistas sobre os originários.

– Transexual indígena celebra posto de cacique em aldeia do MT

Tribos estão acampadas em Brasília desde domingo

‘Combo da morte’

O projeto também está sendo chamado de “combo da morte”, pois irá dar margem a brigas por terras. A ideia ganhou força com a eleição de Jair Bolsonaro, que será o primeiro presidente desde a redemocratização do Brasil a não demarcar nenhuma terra indígena – negando a estes povos um direito garantido pela Constituição Federal de 1988, que estabelece aos índios o chamado “direito originário” sobre suas terras ancestrais. Em outras palavras, os índios são considerados, por lei, donos desses locais, mas o governo quer mudar isso.

– Cine Nativo: plataforma de cinemas indígenas para alargar visão de mundo e audiovisual

A votação deverá ser retomada nesta quarta-feira (25), no Supremo Tribunal Federal (STF), onde a ação que servirá de diretriz para as mais de 300 terras indígenas ainda em processo de demarcação no país. As atenções também estão voltadas para pelo menos cinco projetos de lei (PL) no Congresso que alteram as regras de proteção de territórios e povos indígenas, favorecem a formação de latifúndios em terras públicas e minam a reforma agrária.

Publicidade

Foto: Gabriel Paiva/Fotos Públicas


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.