Tecnologia

Facebook usa feed para se promover e Mark Zuckerberg muda imagem contra escândalo

Redação Hypeness - 29/09/2021

Diante de polêmicas e acusações, principalmente sobre a privacidade dos usuários e a falta de transparência, e na tentativa de melhorar a imagem manchada nos últimos anos, o Facebook desenvolveu uma estratégia para divulgar conteúdos e notícias positivos sobre si na própria plataforma. O plano, assinado pelo próprio Mark Zuckerberg, ganhou o nome “Project Amplify”.

– Mark Zuckerberg é alvo de críticas após dizer que não deletaria postagens negando Holocausto

A ideia já vinha sendo discutida desde uma reunião interna em janeiro. De acordo com o jornal americano “The New York Times”, o esforço de encontrar maneiras de melhorar a reputação da empresa  integrou o afastamento de Zuckerberg de escândalos, restrição a dados internos e ocultação de relatório negativo da plataforma, além de incluir uma produção própria de notícias pró-Facebook e compartilhamentos de conteúdos externos sobre as boas ações da plataforma dentro da feed de notícias da rede social. 

O combate a conteúdo potencialmente negativo, lançamento de anúncios com links para posts que dessem uma boa imagem ao Facebook e pedir menos desculpas eram também uma das etapas do plano de reformulação. A agressiva tentativa de remodelar a imagem do Facebook envolveu as equipes de marketing, comunicação, política e integridade. 

– Amazônia com terras protegidas para venda no Facebook e 7 agrotóxicos super tóxicos para humanos aprovados

A divulgação do ‘Project Amplify’ vem em meio a uma onda de novas acusações sobre o funcionamento interno da plataforma. Uma reportagem do Wall Street Journal revelou na semana passada que perfis de políticos, celebridades e usuários de nível elevado eram submetidos a regras diferentes, e mais brandas, sobre o conteúdo que podiam publicar. 

A publicação ainda traz falhas no monitoramento de crimes praticados na rede social e na tentativa de deixar a plataforma como um espaço seguro para os usuários. A revelação partiu de funcionários, que descontentes com o posicionamento da plataforma, como diante da circulação de discursos racistas e da desinformação sobre as vacinas contra Covid-19, vazaram os documentos internos. 

– Maternidade real: 4 grupos do Facebook para buscar relatos, trocas e acolhimento

O Facebook negou que houve mudanças no feed de notícias, em favorecimento a um conteúdo próprio. Joe Osborne, porta-voz da plataforma, também negou que a reunião de janeiro em que se concretizou o Projeto Amplify. Em uma série de postagens no Twitter, ele disse que o Facebook apenas “executou um pequeno teste de uma unidade informativa no Facebook em três cidades” e que as postagens do Facebook foram “claramente rotuladas” como tal.

 

Publicidade

Foto: Getty Images


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.