Debate

Parque vai indenizar mulher que levou bronca por usar biquíni

Yuri Ferreira - 01/09/2021

A funcionária pública Patrícia Nogueira será indenizada pela Empresa Sul Americana de Montagens em R$ 3 mil após ser acossada por um segurança no Pontão Lagoa de Paranoá, administrada pela companhia. A decisão é da juíza Maria Rita Teizen Marques de Oliveira, do Tribunal de Justiça do Distrito Federal.

– Luciana Gimenez fala sobre assédio de seguidor e reflete sobre machismo nas redes

Empresa será obrigada a pagar indenização por danos morais para mulher que sofreu machismo em parque brasiliense

Em maio desse ano, um segurança terceirizado da Lagoa de Paranoá havia repreendido Patrícia Nogueira por ela estar usando trajes de banho no local, considerada uma “praia” para os brasilienses. Enquanto ela estava sendo repreendida pelo uso do biquini, vários homens andavam sem camisa pelo local sem qualquer tipo de repressão.

– Vereadora sofre com machismo no Dia da Mulher e é censurada por blusa com ombro à mostra

“A sentença foi uma vitória coletiva de todas as mulheres, isso nunca foi uma questão pessoal minha. Sempre foi uma tentativa de buscar que a empresa reconhecesse, primeiro de forma voluntária e depois na Justiça, o absurdo da situação”, declarou a servidora em entrevista ao UOL.

Confira o vídeo do caso:

“Não há dúvida que a autora foi discriminada pelo fato de ser uma mulher em um parque público vestida com um biquíni, não havendo nada que justificasse o tratamento diferenciado que recebeu em relação a outro usuário do local, que também estava despido na parte superior, mas era homem”, disse a juíza na sentença do caso.

“Evidencia-se flagrante violação aos princípios constitucionais da liberdade e da igualdade, mas sobretudo em face do princípio da dignidade da pessoa humana, eis que com tal conduta a empresa ré ‘classificou’ a autora como pessoa de categoria inferior tão somente pelo fato de ela ser mulher, lhe dando por isso um tratamento diferenciado e inadequado”, concluiu a magistrada.

Publicidade

Fotos: Reprodução/Twitter


Yuri Ferreira
Jornalista formado na Escola de Jornalismo da Énois. Já publicou em veículos como The Guardian, UOL, The Intercept, VICE, Carta e hoje escreve aqui no Hypeness.