Ciência

Esqueleto de tricerátops com 8 metros de comprimento é leiloado por 44 milhões de reais

Vitor Paiva - 27/10/2021 | Atualizada em - 29/10/2021

O valor arqueológico do “Big John”, maior esqueleto do dinossauro tricerátops já encontrado, é incontestável: com 8 metros de comprimento, 3 metros de altura e 66 milhões de anos de idade, a ossada do animal da época do cretáceo superior encontra-se 60% completa. Na última quinta-feira seu valor financeiro foi também estabelecido, através de um leilão realizado em Paris, no qual o esqueleto foi adquirido por um investidor estadunidense pelo valor de 7,7 milhões de dólares, equivalentes a cerca de 44 milhões de reais.

"Big John"

“Big John” é o mais completo esqueleto de um tricerátops já descoberto © Wikimedia Commons

-Argentina pode ter sido casa do maior animal terrestre da história

A ossada foi encontrada pelo geólogo Walter W. Stein Bill no estado da Dakota do Sul, nos EUA, em 2014, e seu estado quase perfeito de conservação se deve por ter morrido em uma zona inundável, e permanecido ao longo dos milhões de anos enterrado na lama. Com seu grande folho ósseo e os três chifres em sua cabeça que lhe deram seu nome – “Triceratops”, em latim, significa literalmente “cabeça com três chifres” –, o crânio de “Big John” é um dos maiores já encontrados entre os fósseis da espécie, com cerca de 2 metros de diâmetro e 75% completo. A ossada é formada por cerca de 200 peças no total.

Leilão do tricerátops "Big John"

O leilão ocorreu no dia 21 de outubro, e alcançou mais de 7 vezes o lance inicial © Drouot

-Descoberto no Uzbequistão, dinossauro antecessor de T-Rex viveu há 90 milhões de anos

Uma marca de laceração perto da cabeça pode ser resultado de um ferimento ocorrido em briga com outros animais semelhantes. O leilão foi realizado pela casa Drouot, que vem realizando a venda de fósseis do tipo nos últimos anos, e superou consideravelmente o lance inicial de 1,1 milhão de dólares, equivalentes a cerca de 6,3 milhões de reais, e o esqueleto foi adquirido por investidor anônimo, provavelmente para tornar-se parte de coleção particular. 13 pessoas, entre elas representantes de alguns museus especializados, participaram do leilão, mas os orçamentos restritos de tais instituições impediram a disputa pela compra do esqueleto.

Leilão do tricerátops "Big John"

Antes do leilão, o esqueleto permaneceu exposto em Paris © Getty Images

-‘Patossauro’: Encontraram um fóssil de dinossauro de 70 milhões de anos que mais parecia um pato

“Big John” é o esqueleto de triceratops mais completo já encontrado, e sua venda ocorrida no último dia 21 de outubro representa um recorde europeu entre leilões semelhantes. O mais caro esqueleto de dinossauro já leiloado, porém, supera o valor em mais de quatro vezes: em outubro de 2020, o fóssil de um tiranossauro rex foi vendido por 31,8 milhões de dólares, equivalentes a cerca de 182 milhões de reais, em Nova York. A época do Cretáceo Superior, quando viveu “Big John”, foi a última era dos dinossauros antes da extinção em massa ocorrida há cerca de 66 milhões de anos.

"Big John"

Somente o crânio de “Big John” possui mais de 2 metros de diâmetro © Getty Images

Publicidade

© fotos: créditos 


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, Vitor Paiva é doutor em Literatura, Cultura e Contemporaneidade pela PUC-Rio. Autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores, publica artigos, ensaios e reportagens.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.