Ciência

Jacaré e o giro da morte: quais os animais com as mordidas mais fortes do mundo

Roanna Azevedo - 26/10/2021

A força da mordida de um animal nem sempre é essencialmente dependente dos dentes. É claro que a quantidade e o formato deles são importantes, mas o ponto chave para a garantia da potência é a mandíbula. Os músculos que a compõem ditam o quanto de intensidade um jacaré, por exemplo, antes de realizar o famoso “giro da morte”, usa para rasgar, triturar e esmagar suas presas ou inimigos.

Enquanto a pressão que o ser humano faz ao morder alguma coisa pode chegar a até 68 kg, a de outros animais é capaz de ser 34 vezes maior. Pensando nisso, reunimos em uma lista os animais com as mordidas mais fortes do mundo. A unidade de medida utilizada para quantificar a intensidade de cada uma delas foi a PSI ou libra-força por polegada quadrada.

1. Crocodilo-do-nilo

Crocodilo-do-nilo.

O crocodilo-do-nilo lidera o ranking com uma mordida que pode chegar a 5000 PSI ou inacreditáveis 2267 kg de força. Essa espécie vive em diversas regiões do continente africano e não tem potência para mastigar suas presas, arrastando elas para dentro da água e girando o próprio corpo para romper a carne.

Crocodilo monstruoso de 4 metros come filhotes de tubarão encalhados em praia; veja vídeo

2. Crocodilo-de-água-salgada

Crocodilo-de-água-salgada ou crocodilo-marinho.

A mordida do crocodilo-de-água-salgada chega em torno de 3700 PSI, de acordo com experimentos da National Geographic. Mas, se exemplares muito grandes do animal forem avaliados, estima-se que a força da mordida ultrapasse 7000 PSI. Habitante dos oceanos Índico e Pacífico, o maior réptil que existe no mundo pode medir até 7 metros de comprimento e pesar 2 toneladas.

3. Jacaré-americano

Jacaré-americano.

Natural dos rios, lagos e pântanos da Flórida e da Louisiana, o jacaré-americano tem uma mordida de 2125 PSI. Mesmo se alimentando principalmente de pequenos peixes, mamíferos e tartarugas, ele pode atacar seres humanos em determinadas situações. Costuma chegar a até 4,5 metros de comprimento e pesar mais de 450 kg.

–  Vídeo: Jacaré de 5 metros devora outro (de 2m) com facilidade assustadora

4. Hipopótamo

Hipopótamo.

Diferentemente do que muitos poderiam imaginar, o hipopótamo também tem uma das mordidas mais fortes do mundo: ela varia de 1800 a 1825 PSI, o equivalente a uma pressão de 825 kg. Apesar de herbívoro, é um dos mamíferos mais temidos do continente africano, matando mais seres humanos do que o leão.

Por que ciência vê hipopótamos de Pablo Escobar como ameaça ao meio ambiente

5. Onça-pintada

Onça-pintada.

A mordida da onça-pintada costuma variar de 1350 a 2000 PSI, o que quer dizer que o maior felino da fauna brasileira morde com uma força de 270 kg, o equivalente ao peso de um piano de cauda. A potência é tanta, que ela é capaz de perfurar até o couro dos jacarés e o casco das tartarugas. Também tem dentes carnassiais, localizados no fundo da boca, que permitem rasgar a carne das presas com facilidade.

Ataque de onça-pintada contra jacaré é filmado no Pantanal; assista ao vídeo

6. Gorila

Gorila.

A presença do gorila nesse ranking pode ser uma surpresa, já que ele é um animal herbívoro. Mas a mordida de 1300 PSI dele é necessária para mastigar plantas mais duras, como as de bambu, nozes e sementes. Além da força, equivalente a 100 kg, os gorilas têm mandíbulas muscularmente adaptadas para que consigam quebrar os alimentos com dureza. Mas isso não quer dizer que eles não usam toda a potência da sua mordida para se defender.

7. Urso-pardo

Urso-pardo.

O urso-pardo tem uma mordida que varia de 1160 a 1200 PSI, correspondendo a uma força de 540 kg e sendo capaz de esmagar uma bola de boliche. Ele se alimenta de frutas, castanhas e outros animais, mas também utiliza a potência de seus dentes e mandíbula como mecanismo de defesa por não conseguir escalar árvores.

Vídeo mostra a sensação de ser comido por um urso pardo

8. Hiena

Hiena.

A mordida de 1100 PSI da hiena é suficiente para matar búfalos, antílopes e até mesmo girafas. Ela se alimenta de presas que caça e de carcaças de animais mortos por outros. Sua mandíbula é tão forte, que consegue esmagar os ossos das vítimas, facilmente ingeridos e processados por seu sistema digestivo adaptado.

9. Tigre

Caçador solitário, o tigre tem uma mordida de 1050 PSI. Ele pode correr por vários quilômetros atrás de suas presas e costuma atacar mordendo o pescoço delas para cessar o fluxo de sangue e ar em direção a cabeça.

10. Leão

Leão.

Quem diria que o rei da selva não é o da super mordida? O leão costuma morder com uma potência que varia de 600 a 650 PSI. Assim como o tigre, também mata as presas pelo pescoço, só que com metade da força de seus primos felinos. Por andar e caçar em grupo, ter uma mordida extraordinária não é tão necessário assim.

Leão é salvo por irmão de ataque de 20 hienas numa treta digna de O Rei Leão

Publicidade

Foto 1: David Havel/Shutterstock

Foto 2: Molly Ebersold/Creative Commons

Foto 3: Getty Images

Foto 4: hbieser/Pixabay

Foto 5: Wallpaper Abyss

Foto 6: David Atkins/Pexels

Foto 7, 9 e 10: Pixabay/Pexels

Foto 8: Frans Van Heerden/Pexels

 


Roanna Azevedo
Diretamente da zona norte do Rio, é jornalista por profissão e curiosa por conta própria. Ama escrever sobre cinema e o universo do entretenimento há mais de dois anos. Tem paixão por tudo que envolve cultura, música, arte e comportamento, além de ficar sempre ligada no que rola no mundinho da comunicação nas redes sociais.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.