Fotografia

O photoshop já existia muito antes da era digital e este livro de 1909 é a prova disso

Vitor Paiva - 04/10/2021 | Atualizada em - 06/10/2021

O uso irrestrito de editores como Photoshop ou Facetune alterou não somente os rostos e corpos em publicidades e ensaios fotográficos, mas também a própria forma com que hoje olhamos e consumimos tais imagens. Hoje não resta mais dúvidas que as fotos não representam a realidade em forma alguma, e as tantas matérias revelando os bastidores ou a verdade por trás de campanhas ou postagens nas redes sociais confirmam a dimensão de tais alterações – mas será esse um fenômeno de fato recente? Uma reportagem no site Bored Panda demonstra que a manipulação de imagens é recurso muito mais antigo do que costumamos imaginar.

Fotos editadas antes do Photoshop

Os resultados das edições mostradas no livro impressionam mesmo hoje

Fotos manipuladas antes do Photoshop

As edições “colocavam” cabelo e corrigiam supostas imperfeições, entre muitas outras alterações

-Noruega aprova lei que obriga a informar que uma foto foi alterada ou manipulada na internet

Os exemplos compilados foram descobertos no livro Complete self-instructing library of practical photography, um guia inicialmente publicado em 1909 ensinando técnicas fotográficas, bem como truques impressionantes de correção e alteração das imagens registradas – para, segundo o texto, “eliminar imperfeições”, tornando “pescoços grossos em finos, corrigindo narizes tortos, adicionando cabelo e alterando fundos”.

Fotos manipuladas antes do Photoshop

As edições eram feitas manualmente, diretamente nos negativos das fotos

Fotos manipuladas antes do Photoshop

“Correção” das sardas no rosto em uma fotografia

-Canal mostra beleza de Marilyn Monroe tratada no photoshop de acordo com padrões atuais

Em suma, a manipulação das fotos é praticamente tão antiga quanto a própria invenção da fotografia, e tornou-se recorrente e popular especialmente após o uso das chamadas “placas secas” em negativos, que tornou as fotografias mais detalhadas e precisas. Muitos anos antes do advento das imagens digitais e dos softwares de edição, porém, as tais “correções” no passado eram feitas manualmente, com estiletes, lápis e pincéis diretamente nos negativos fotográficos, em trabalho incrivelmente detalhado e mesmo artístico.

Fotos manipuladas antes do Photoshop

A incrível correção de estrabismo em uma foto demonstrada no livro

Fotos manipuladas antes do Photoshop

Até mesmo olhos fechados eram abertos através de tais processos de manipulação

-Como as fotos de celebridades eram retocadas antes do Photoshop

E os resultados impressionam mesmo aos olhos contemporâneos, tão acostumados com a precisão digital do Photoshop e similares. Enquanto alguns exemplos são até hoje postos em prática em editoriais de moda e imagens publicitárias, como o apagamento de sinais e pintas ou a redução de curvas e formas do corpo humano, alguns casos ilustrados no livro espantam: olhos estrábicos são corrigidos, olhos fechados são “abertos”, roupas são alteradas, pessoas são retiradas das fotos e até mesmo imagens de estátuas são trazidas “à vida”, feito fossem pessoas de fato. O livro está disponível na íntegra no site Internet Archive, e pode ser visto aqui.

Fotos manipuladas antes do Photoshop

No extremo da edição das fotos, uma estátua é trazida à vida

Fotos manipuladas antes do Photoshop

A criança desaparece da foto através de antigas edições

Publicidade

© fotos: Internet Archive/reprodução


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, Vitor Paiva é doutor em Literatura, Cultura e Contemporaneidade pela PUC-Rio. Autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores, publica artigos, ensaios e reportagens.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.