Debate

As acusações contra estudante de medicina que espancou namorada: ‘Sentei a mão nela’

Redação Hypeness - 01/10/2021

José Flávio Carneiro dos Santos é um estudante de medicina de 27 anos de idade. Nesta semana, ele foi preso após ser acusado de agredir sua ex-namorada Gabriela Campos Duarte Machado, de 22 anos. Ela publicou vídeos do caso nas redes sociais mostrando o comportamento do agressor. Mas essa não é a única denúncia contra ele: outras mulheres o acusaram de estupro e violência psicológica.

– Trote de medicina machista, misógino e pornográfico causa revolta na internet 

José foi detido no domingo (25) e, em mensagens de WhatsApp, confessou o crime. Sentei a mão nela, tô preso“, disse em mensagem a um amigo. Ele pedia R$ 5 mil para pagar a fiança. O estudante não só conseguiu o dinheiro como já está em liberdade.

José Flávio é acusado de agredir e estuprar mulheres

Estou fazendo isso porque tenho medo de verdade e culpabilizar a vítima é deslegitimar minha coragem de falar tudo que eu passei na mão dele, por isso ninguém tem coragem de falar sobre o assunto, é lamentável mesmo“, disse Gabriela, a vítima, nas redes sociais.

– Hashtag #MedBikini expõe o machismo e também a caretice de parte da medicina 

Depois da acusação de Gabriela, outras duas denúncias surgiram contra José Flávio. Uma jovem de 26 anos de idade o acusa de estupro; ela afirma que acordou na cama do estudante de medicina e que não se lembra de nada. Outra mulher o acuso de violência física.

Teve uma vez que, devido a uma crise de ciúme por eu ter recebido uma mensagem de um amigo, estávamos na estrada e ele começou me agredindo verbalmente, jogava o carro em cima de carros e caminhões ameaçando nos matar, puxava minha cabeça com força pelo cabelo e me obrigava a fazer sexo oral nele”, contou. “Eu achei que não sairia viva dali“, disse a vítima, em um boletim de ocorrência.

– Uma em cada quatro mulheres é vítima de violência obstétrica no Brasil 

A defesa do acusado de estupro e violência doméstica afirma que ele é, na verdade, a vítima de agressões e ameaças, além de afirmar que as vítimas estão fazendo denúncias por “promoção pessoal”.

A defesa de José Flávio Carneiro dos Santos, vem a público noticiar que seu constituinte lamenta profundamente os fatos ocorridos, esperando, contudo, que tal fato pontual não seja utilizado como o tem sido para a promoção pessoal de quem quer que o seja, e, acreditando na justiça, repelimos as agressões e ameaças a que tem sido compelido o cliente (….)“, disse a nota.

Publicidade

Fotos:


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.