Debate

Voo é desviado nos EUA após passageiro quebrar nariz de aeromoça com um soco

Vitor Paiva - 29/10/2021

Um voo da American Airlines teve de ser desviado na última quarta-feira, dia 27, após um passageiro agredir uma comissária de bordo com um soco no rosto durante a viagem. O voo 976 decolou do Aeroporto Internacional John F. Kennedy, em Nova York, e tinha como destino a cidade de Santa Ana, na Califórnia, mas teve de ser desviado para Denver, no Colorado, onde o agressor foi detido pela polícia assim que o avião pousou.

O voo 976

O voo 976 teve de ser desviado por conta da agressão

-Jovem impedida de embarcar em avião usando top diz que se ‘se sentiu humilhada’

Relatos inicialmente afirmaram que a agressão aconteceu após a comissária de bordo pedir ao passageiro que colocasse uma máscara fácil de proteção contra a Covid-19, mas a American Airlines afirmou que a agressão ocorreu sem qualquer motivação. Segundo a rede de notícias CNN, passageiros que estavam no avião afirmaram que o homem foi até a parte de trás da aeronave, desferiu dois socos que quebraram o nariz da comissária, e em seguida retornou ao seu lugar.

O agressor, no aeroporto de Denver, depois de ser detido pela polícia local

O agressor, no aeroporto de Denver, depois de ser detido pela polícia local

-Pai embarca em 6 voos diferentes para passar Natal ao lado de filha aeromoça

Doug Parker, CEO da companhia aérea, afirmou que agressão foi uma das “piores demonstrações de comportamento indisciplinado” por um passageiro na história da empresa, reiterando que o homem está proibido de voar pela American Airlines novamente, mas que a proibição não é resposta suficiente. Estamos fazendo tudo o que podemos para garantir que ele seja processado até onde for possível”, afirmou o empresário em suas redes sociais.

O agressor, no aeroporto de Denver, depois de ser detido pela polícia local

O homem foi transportado por agentes policiais, mas ainda não há maiores informações sobre sua prisão

-Bebê que nasceu em pleno voo vai andar de avião de graça para sempre

Segundo consta o homem teve de ser amarrado em sua cadeira com fita adesiva – algumas testemunhas disseram que instantes antes da agressão a comissária teria esbarrado levemente no homem, que viajava na primeira classe, e rapidamente se desculpado, mas tais informações ainda não foram confirmadas. Imagens publicadas no Twitter mostraram o homem algemado e usando uma máscara após ser detido em Denver, e depois sendo movido pela polícia local. Tanto o FBI quanto a Administração Federal de Aviação (FAA) estão investigando o incidente.

Publicidade

© fotos: Twitter/reprodução


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, Vitor Paiva é doutor em Literatura, Cultura e Contemporaneidade pela PUC-Rio. Autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores, publica artigos, ensaios e reportagens.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.