Sustentabilidade

Como algas e ovelhas podem ajudar a reduzir a emissão de metano das vacas

Redação Hypeness - 05/11/2021

Você provavelmente já ouviu falar do fato de que as criações de gado são responsáveis por boa parte das emissões do gás metano na atmosfera, algo que contribui massivamente para o aquecimento global. E se te disséssemos que existem alternativas para reduzir essas emissões e elas passam pelas algas marinhas?

– Emergência climática trará tensões globais, aponta relatório do serviço de inteligência dos EUA 

Segundo pesquisas atuais, existem diversas alternativas para reduzir o impacto da pecuária no efeito estufa. Uma delas está em uma mudança  no comportamento alimentar dos animais que são criados nas fazendas.

Algas podem ser solução na alimentação do gado para tentar reduzir efeitos da mudança climática

Uma descoberta ocorreu após observar ovelhas na Escócia. Em uma parte do ano, elas se alimentam de algas vermelhas. Os pesquisadores observaram que a emissão de metano se reduziu drasticamente durante esse período.

“Existem diferentes componentes nas algas que interferem no processo pelo qual as bactérias do estômago dos animais produzem metano”, explica Gordon McDougall, pesquisador em ciências ambientais e bioquímica do Instituto James Hutton.

-Países insulares imploram por ações contra mudanças climáticas: ‘Nosso futuro está em jogo’

Segundo uma pesquisa da Universidade da Califórnia Davis, caso as vacas se alimentassem de algas vermelhas frequentemente, a emissão de metano desses animais poderia cair em até 80%.

“Temos absolutamente que testar que tipo de alga é a melhor, quanto dar para obter o melhor efeito. Então, podemos aumentar a escala a um nível que tenha um impacto em toda a indústria agrícola britânica”, conclui McDougall.

Ovelhas que se alimentam de algas mostraram que é possível reduzir emissão de metano

Agora, os pesquisadores estudam como os fazendeiros se adaptariam à mudança e se estariam dispostos a gastar um pouco mais para produzir e comprar esse tipo de alga e, assim, reduzir esse tipo de transição alimentar no gado pelo bem do futuro.

– ‘Prosa’ traz o racismo para o debate das questões ambientais e de mudanças climáticas

Estudos estimam que mais da metade do gás metano emitido no planeta está concentrado na pecuária, que também é uma das principais responsáveis pelo desmatamento no planeta. Uma redução desse tamanho nas emissões de metano seria significativa para barrar os efeitos da mudança climática em nível global.

Publicidade

Fotos: Pixabay


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.