Debate

Marília Mendonça: polícia atira pro alto para evitar roubo de pertences; PM revela itens recolhidos

Yuri Ferreira - 10/11/2021

A Polícia Militar de Minas Gerais (PM-MG) confirmou que teve que atirar para o alto no local do acidente em que Marília Mendonça  e outras cinco pessoas faleceram na última semana. Os militares suspeitavam que ladrões tentariam invadir a cena do crime para roubar pertences das pessoas.

– Marília Mendonça: precisamos falar da cobertura gordofóbica sobre morte da cantora

Local de queda do avião de Marília Mendonça foi alvo de tentativa de invasões durante a madrugada posterior ao acidente que comoveu o Brasil

Segundo os policiais, na madrugada do dia 6, alguns homens apareceram na cena do crime. Porém, no escuro, os policiais não conseguiram entender do que se tratava.

– Maraísa ataca críticos da irmã Maiara e mostra última conversa com Marília Mendonça

No avião, estavam diversos objetos pessoais de Marília Mendonça, do produtor Henrique Ribeiro, o tio e assessor da cantora, Abicieli Silveira Dias Filho e o piloto Geraldo Medeiros Júnior. Nenhum objeto pessoal do copiloto Tarciso Pessoa Viana foi encontrado.

Entre os pertences, estavam bolsas, uma carteira da Louis Vuitton, uma mochila Gucci, iPhones, iPads, AirPods, outros computadores e outros eletrônicos.

“A gente não sabe com qual objetivo eles estavam se aproximando, se foi para tirar fotografia, pegar alguma lembrança ou, de fato, para subtrair as coisas que ainda estavam na aeronave”, explicou o capitão Jefferson Luiz Ribeiro, chefe da assessoria de comunicação organizacional do 62º BPM à Jovem Pan.

– Helicóptero da TV Globo faz pouso forçado em campo de futebol; veja vídeo

Os profissionais que estava no local deram ordens para que elas recuassem, mas, talvez por causa do barulho da cachoeira, elas não ouviram e ouve a necessidade de os policiais efetuarem dois disparos de munição de borracha. Nenhum dos disparos atingiu o grupo de pessoas e nada foi subtraído, pois as pessoas recuaram [após os tiros]”, completou Jefferson.

Publicidade

Fotos: © Getty Images


Yuri Ferreira
Jornalista formado na Escola de Jornalismo da Énois. Já publicou em veículos como The Guardian, UOL, The Intercept, VICE, Carta e hoje escreve aqui no Hypeness.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.