Debate

Mulher diz que gastou R$ 50 mil para ser mãe durante ataque de fúria de casal em aeroporto

Redação Hypeness - 03/11/2021

Um homem destruiu o guichê da Gol no Aeroporto de Guarulhos (SP) após um ataque de fúria nessa segunda-feira (1). Sua mulher ameaçou os funcionários, afirmando que iria matá-los caso seu filho ficasse doente. As imagens são espantadoras.

Basicamente, um voo da companhia aérea em direção a Confins (MG) teve de ser redirecionado para SP por conta de questões meteorológicas. Pelo que as imagens indicam, o casal desejava uma estadia em um hotel para passar a noite para o voo – que seria feito no dia seguinte.

Mulher branca autora de show de homofobia em padaria não tem registro na OAB: ‘Quero que polícia se f*’

Homem agride funcionários com aparelhos do aeroporto e mulher ameaça atendentes; durante discussão, ela mencionou que gastou R$ 50 mil para ter um filho e, que, por isso, ele não poderia ficar doente.

No vídeo, os atendentes do guichê sequer são escutados: o casal grita incessantemente. A mãe da criança de cinco meses agride verbalmente os funcionários e grita incessantemente exigindo que os profissionais do balcão resolvam seu problema.

Depois disso, o homem quebra o guichê com um organizador de fila, tentando agredir os funcionários que estão atrás do balcão. A cena se repete por diversas vezes. As pessoas que buscavam atendimento da companhia tiveram que sair do local. Os atendentes tentam se proteger do casal.

– Depois de ser agredido pela polícia imigrante sírio arrecada R$ 23 mil em vaquinha 

“Eu quero que vocês resolvam, o meu menino está com 5 meses. Resolve. A menina falou para mim tem duas horas. O meu menino não tem que pagar por isso, quero alguém resolvendo aqui agora. Quero a polícia, o menino não tem culpa”, gritava a mulher.

“Demorei 16 anos pra conseguir ter meu filho, gastei R$ 50 mil. Se esse menino adoecer, se acontecer qualquer coisa com ele, eu juro que eu mato, eu mato um por um. Coloca o meu filho em um hotel para tomar um banho. Coloca o meu filho em um hotel”, completa.

Confira uma parte do vídeo, postada no Twitter:

– Hóspede se recusa a medir temperatura, vai pra cima de atendente e toma surra em hotel 

Em nota, a companhia aérea afirmou que garantiu estadia em hotéis para os passageiros do voo. “A GOL informa que, após a decolagem, o voo G3 1324 (Guarulhos – Confins) precisou retornar ao Aeroporto de Guarulhos, por conta das condições meteorológicas adversas em Confins. A Companhia ressalta que ofereceu o suporte necessário a todos os clientes e acomodou os passageiros para seguir viagem em voos programados para esta terça-feira”, disse a empresa em nota à imprensa.

Segundo a concessionária que administra o Aeroporto de Guarulhos, a GRU Airport, o casal, que não foi identificado, foi enviado para uma delegacia. “A GRU Airport, concessionária que administra o Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos, acionou a Polícia Militar e os passageiros envolvidos foram conduzidos para a delegacia da Polícia Civil, para registro da ocorrência”, informou o grupo em comunicado ao site Metrópoles.

Publicidade

Fotos: Reprodução/Youtube


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.