Debate

Alpinista encontra R$ 1 milhão em joias perdidas em acidente aéreo no monte mais alto da Europa

13 • 12 • 2021 às 11:29 Redação Hypeness
Redação Hypeness Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Em 1966, um avião caiu no Monte Branco (Mont Blanc), o ponto mais alto de toda a Europa, que fica na fronteira entre Suíça, França e Itália. A aeronave vinha da Índia e o acidente, conhecido como Kanchenjunga, matou mais de 117 pessoas. Um dos passageiros era Homi Bhabha, o chefe do programa nuclear da Índia, que estava em guerra com o Paquistão na época, e muitas teorias da conspiração circundam o acidente.

– Tesouros da Etiópia roubados pelos britânicos são devolvidos ao país africano 

Tesouro oriundo de acidente aéreo foi encontrado por alpinista há 8 anos e irá ser exposto em museu

Entretanto, somente após cinco décadas do acidente que um dos verdadeiros tesouros do acidente foi descoberto. Em 2013, um alpinista francês escalou o monte e acabou descobrindo centenas de pedras preciosas oriundas da Índia, em especial, safiras e esmeralda.

Leia também: Tesouro achado em quintal de casa no Pará possui moedas de 1816 a 1841, diz Iphan 

Nessa semana, a comuna francesa de Charmonix-Mont Blanc recebeu os achados do alpinista, que não vendeu as pedras preciosas. Então, o governo da região decidiu que o escalador poderia ficar com uma metade das joias e a outra parte iria para o governo local.

As pedras serão exibidas no Chamonix Crystal Museum, um local da região que exibe pedrarias e outros artigos de luxo com valor histórico.

As pedras tem um valor estimado de 150 mil euros (ou 947 mil reais) e foram avaliadas por gemólogos (especialistas em pedras preciosas e outros minerais).

– Naufragado há 113 anos, navio é encontrado com mais de R $ 300 bilhões

Por conta do derretimento das geleiras, diversos objetos e até fuselagem do avião indiano continua a aparecer nas encostas do Monte Branco. Nos anos 50, outro avião indiano, o “Malabar Princess”, caiu na região, deixando mais de 48 feridos, o que contribui para uma mística assombrada que cerca a região.

 

Publicidade

Fotos: Destaques: Wikimedia Commons Foto 1: Reprodução/Facebook/


Canais Especiais Hypeness