Debate

Concurso que elegeu a ‘vagina mais bonita do Brasil’ é alvo de críticas

Redação Hypeness - 01/12/2021 | Atualizada em - 06/12/2021

Um concurso abriu um debate intenso sobre machismo, busca pela perfeição e desconhecimento sobre anatomia. Uma competição para eleger a “vagina mais bonita do Brasil”, isso mesmo, teve seu resultado divulgado. Organizado pela influenciadora e modelo de conteúdos adultos Ana Otani, de Balneário Camboriú (SC), o concurso elegeu Maitê Sasdelli como vencedora do pleito.

As participantes enviavam vídeos para um grupo de Whatsapp com vários pagantes de conteúdo erótico exclusivo, que diariamente iam “eliminando” vulvas que não lhes agradava. Ao fim, eles elegeram a vulva de Maitê como a mais bonita entre as participantes do concurso.

– Contra violência de gênero e padrões, Argentina está banindo concursos de beleza

A modelo Maitê Sasdelli ganhou concurso polêmica de vagina mais bonita

Padrão de beleza

“E finalmente conseguimos eleger a vagina mais bonita do Brasil. Você já viu a ppk dela? Realmente é muito linda”, escreveu a organizadora do concurso para divulgar o resultado.

– A ‘Galeria da Vulva’ é a melhor celebração da vagina e da sua diversidade

A ideia do concurso já levantou debate por seu erro de nome: a vagina é apenas o canal interno do órgão sexual das mulheres cis. A parte externa – que provavelmente era a avaliada pela suposta beleza – se chama vulva. Portanto, era um concurso de vulvas.

O concurso também foi alvo de críticas porque incentiva a ideia de que existe um padrão de beleza para órgãos genitais. Esse padrão acaba sendo racista e machista.

O Brasil é o país do mundo que mais executa ninfoplastias, ou seja, procedimentos cirúrgicos estéticos na região da vulva. Segundo Wendell Uguetto, membro da SBCP (Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica), houve um aumento de 30% nas cirurgias desse tipo entre 2016 e 2019. E a motivação é estética.

– Viva la Vulva: comercial celebra vaginas de todas as cores e tamanhos

“O maior público está entre jovens, de 18 a 35 anos, sexualmente ativas e a maioria solteira. Essa procura se dá por conta de dor durante as relações sexuais, pois às vezes pode estar relacionada com a anatomia, e por questões estéticas, que é a grande parte dos casos”, afirma.

Confira as críticas ao concurso no Twitter:

1.

2.

3.

4. 

Leia também: ‘Chip da beleza’: implantes hormonais para corpo perfeito podem aumentar clitóris e alterar voz 

Publicidade

Fotos: Reprodução/Instagram


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Notice: date_default_timezone_set(): Timezone ID 'UTC-3' is invalid in /var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/part/home/brand-channel.php on line 29

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.