Sustentabilidade

Emergência climática: BBC revela horrores de vida sob calor de 50ºC

09 • 12 • 2021 às 10:43 Redação Hypeness
Redação Hypeness Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Está decretado: o ano de 2021 foi o mais quente até agora, segundo a Global Annual Temperature Rankings Outlook. Para expor a gravidade desse dado, a BBC falou com pessoas que estão vivendo os pontos mais extremos desse cenário de emergência climática, em temperaturas extremas, enfrentando uma ameaça crescente de enchentes ou incêndios florestais. 

Como se estar no planeta Terra durante o ano mais quente já não fosse impressionante, as histórias são ainda mais surpreendentes. 

– ‘Não escolham a extinção’: dinossauro alerta sobre emergência climática em campanha da ONU

Shakeela Bano, Índia: 

Ela mora com o marido, a filha e três netos em um quarto sem janelas em Ahmedabad, com apenas um único ventilador de teto para mantê-los frescos. Muitas cidades na Índia estão agora atingindo 50°C em função das mudanças climáticas. Materiais como concreto prendem e irradiam calor nas grandes cidades, elevando as temperaturas.  “Algumas noites são muito quentes para dormir dentro de casa. Mas a superfície pode estar quente demais para andar”.

– Plantas do deserto do Atacama são ‘mina de ouro’ genética para as plantações no aquecimento global

Sidi Fadoua, Mauritânia: 

Aos 44 anos, ele está acostumado com o calor, mas o momento no oeste da África é demais para que as pessoas consigam trabalhar. Fadoua e muitos outros trabalhadores têm preferido trabalhar a noite ao invés de enfrentar a alta de 45°C durante o dia. “É como fogo. Não podemos suportar tais temperaturas, Não somos máquinas”, descreve. 

– Eventos extremos, frio e calor excessivos são fruto da crise climática e devem piorar

Patrick Michell, Canadá: 

Chefe do Kanaka Bar First Nation, Michell detectou pontos preocupantes em florestas perto da reserva em British Columbia. Por causa do calor, os rios têm menos água e os cogumelos pararam de crescer. A falta de umidade e o clima seco provocaram um incêndio em sua cidade natal, Lytton, no dia que o termômetro bateu 53ºC. 

Publicidade

Canais Especiais Hypeness