Arte

João Donato e Jards Macalé, Cassia Eller e outras 26 dicas da cultura e gastronomia

15 • 12 • 2021 às 18:48
Atualizada em 17 • 12 • 2021 às 10:38
Gabriela Rassy
Gabriela Rassy   Redatora Jornalista enraizada na cultura, caçadora de tendências, arte e conexões no Brasil e no mundo. Especializada em jornalismo cultural, já passou pela Revista Bravo! e pelo Itaú Cultural até chegar ao Catraca Livre, onde foi responsável pelo conteúdo em agenda cultural de mais de 8 capitais brasileiras por 6 anos. Roteirizou vídeo cases para Rock In Rio Academy, HSM e Quero Passagem, neste último atuando ainda como produtora e apresentadora em guias turísticos. Há quase 3 anos dá luz às tendências e narrativas culturais feministas e rompedoras de fronteiras no Hypeness. Trabalha em formatos multimídia fazendo cobertura de festivais, como SXSW, Parada do Orgulho LGBT de SP, Rock In Rio e LoollaPalooza, além de produzir roteiros, reportagens e vídeos.

Agenda Hype de volta com as boas da arte e da cultura! Nos lançamentos musicais, destaque para a faixa inédita de Cássia Eller, feita a partir da gravação de um show da cantora, aos 22 anos; a música e curta-metragem de Samuca e a Selva, Jussara; e a mixtape que reúne artistas do selo A Quadrilha, encabeçado por Djonga.

O Itaú Cultural, na Avenida Paulista, acaba de inaugurar a exposição “Tunga: conjunções magnéticas“, que celebra a produção deste importante artista pernambucano. Na ala presencial rolam ainda shows de João Donato e Jards Macalé, Francisco El Hombre e Orquestra Petrobras Sinfônica, além do Tantša Festival.

Até domingo dá tempo de curtir a programação do Festival do Rio. Destaque para as sessões gratuitas dentro da Première Brasil com filmes como “Medida Provisória“, inédito dirigido por Lázaro Ramos; além de “Eduardo e Mônica”, inspirado na famosa música do Legião Urbana, e o Documentário “Pele negra, justiça branca”.

Vem na minha!

#presencial

Elba Ramalho
Teatro Rival Refit – Rio de Janeiro
Quinta, 16 de dezembro, 19h30
De R$ 45 e R$ 90
Num formato acústico e intimista, Elba sobe ao palco acompanhada por três músicos – Marcos Arcanjo (violão e guitarra), Rafael Meninão (sanfona) e Anjo Caldas (percussão) – para recordar seus grandes sucessos, atender aos pedidos da plateia e lembrar sua estreia, há mais de 40 anos, como atriz. No repertório estão sucessos como “Gostoso demais”, “Ai que saudade de ocê”, “Dia branco”, “Chão de giz”, “Canção da despedida”, “Banho de cheiro” e “Veja (Margarida)”.

João Donato e Jards Macalé
Sesc Pinheiros – São Paulo
17, 18 e 19/12, Sexta e sábado, às 21h, e domingo, às 18h
R$ 40 (inteira), R$ 20 (credencial plena/meia)
A dupla João Donato & Jards Macalé estreia o show de “Síntese do Lance”, seu primeiro trabalho em conjunto, e lançam LP inédito do álbum. É como se esses dez temas do álbum, entre cantados e instrumentais, reunissem muito do que escutaram e tocaram por aí no arco do tempo. Síntese do Lance vibra para cima. E agora convida o público a vibrar junto!

Francisco, el Hombre
Cine /Joia – São Paulo
17/12, 22h
A partir de R$120 (3º lote)
Criado de forma íntima, por meio de imersões que a banda fez, o terceiro álbum da banda tem como um dos seus principais destinos o palco, espaço que pode ser considerado o habitat do grupo e que gerou um vazio no período de pandemia. Agora, a Francisco, el Hombre – formada por Mateo Piracés-Ugarte, LAZÚLI, Sebastianismos, Andrei Kozyreff e Helena Papini – retorna aos palcos para celebrar o lançamento e reencontro com o público.

Mar Sobre Pedras + PAPOgamBOA
Teatro Gamboa – Salvador
18 e 19/12, sábado e domingo | 17h
R$20 | R$10
Guigga e Tarcísio Santos apresentam o show Mar Sobre Pedras, com performances musicais em duo com a participação de músicos convidados. O show é transmitido ao vivo pelo canal do Youtube do Teatro Gamboa, o acesso é liberado na hora da compra do ingresso. Durante a pandemia, os artistas do Vale do Jiquiriçá se reuniram em suas cidades vizinhas, Maracás e Itiruçu, e fizeram algumas apresentações e registros audiovisuais. Agora, os compositores iniciam um laboratório de criação em Salvador com o show, que propõe dialogar sobre os diversos caminhos entre o sertão e o litoral baiano.

Tantša Festival
Pavilhão de Exposições do Anhembi, São Paulo
18/12, das 20h até 9h
A partir de R$90
Sob a curadoria e produção a partir da parceria entre o coletivo Tantša, a agência Entourage e a produtora Radix, a 1º edição do festival traz 14 apresentações em um evento considerado um verdadeiro ritual, unindo todas as tribos. O lineup com múltiplas sonoridades evidencia a pluralidade da música eletrônica e suas vertentes com nomes como Rebekah, Lady Starlight, Anthony Parasole, Daria Kolosova, Ananda, Martinelli, Kaiobarssalos, no Palco Techno; e no Palco House, Ryan Elliott, L_Cio, DJ Hell, Spencer Parker, Ventura Profana, Vermelho e Kenya20hz.

Concerto Orquestra Petrobras Sinfônica
Sala Cecília Meireles – Rio de Janeiro
19/12 às 17h
R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia-entrada)
Para encerrar a temporada 2021, a Orquestra Petrobras Sinfônica apresentará um concerto especial de final de ano na Sala Cecília Meireles no dia 19 de dezembro, às 17h, sob a regência do maestro Isaac Karabtchevsky. No repertório, estão obras como “Romeu e Julieta”, de Tchaikovsky, “O Guarani”, de Carlos Gomes, “Mourão”, de César Guerra-Peixe, e “No belo Danúbio azul” e “Valsa do imperador”, de Johann Strauss Jr.

#online

WME Awards by Music2!
Quinta, 16/12, às 20h30
Transmissão ao vivo pela TNT
A quinta edição do  primeiro prêmio totalmente dedicado às mulheres do universo musical anuncia a lista de apresentações que ocorrerão ao longo do evento. Este ano, a premiação contará com a participação musical de mais de 30 mulheres icônicas da música, entre elas Luísa Sonza, Marina Sena, Sandra de Sá, Paula Lima e Karol Conká. Um marco histórico desta edição será a presença inédita de um Cypher Indígena no palco do WME Awards by Music2!. As cantoras indígenas Ray, Aby Llanque e Lyryca serão as responsáveis pela apresentação, que será traduzida em forma de poemas e manifestações artísticas em prol da cura, conexão e resgate das raízes latino-americanas.

#músicas

Samuca e a Selva | Jussara
Com irrefreável vocação pop, a cada lançamento, a banda Samuca e a Selva revela um pouco mais dos predicados de seu groove sabor deleite latino-americano. Um rico e inerente balanço envolvido na poesia, sagacidade e lampejos deliciosos de humor do carismático letrista e cantor Samuel Samuca. Tudo sempre marinado em arranjos criativos e sofisticados, marcados pela presença de um quarteto de metais, orquestrados por nove talentosos músicos da cena contemporânea paulista. Mas é com o single “Jussara”, um swing rasgado com potencial de hit do verão, que a banda se esbalda numa pista ainda mais democrática musicalmente.

Cassia Eller | Espírito do Som
Acaba de ser lançada uma faixa e clipe feitos a partir de uma performance inédita da Cássia Eller registrada ao vivo em 1985. A música “Espírito do Som” chegou às plataformas digitais no dia 10 de dezembro, dia em que a artista completaria 59 anos. “Espírito do Som” tem a voz e o violão de Eller, restaurado pelo engenheiro de som Bruno Giorgi, com acompanhamento instrumental produzido pelo filho da cantora, Chico Chico, ao lado do violonista Rodrigo Garcia, que tocava na banda de Eller, e do pianista Pedro Fonseca.

AQuadrilha | Mixtape
Selo encabeçado por Djonga, aglutina artistas de diferentes vertentes em uma mixtape coletiva. Envolvendo Marcelo Tofani, Laura Sette, Bertiolli, X Sem Peita, Dougnow e Zinga, a mixtape chega com três registros audiovisuais dirigidos por Djonga e Túlio Cipó.

Jalmy | Movimento
Depois de divulgar alguns singles que anunciavam o lançamento da sua carreira solo, o soteropolitano Jalmy concretiza e entrega novo trabalho. O projeto, guiado por 6 faixas já disponíveis em todas as plataformas digitais, é marcado pela produção eletrônica, beats, loops e samples que chegam para construir um repertório capaz de envolver e mostrar, ao lado da já conhecida expressividade do artista no violão, influências da música pop, preta, baiana e todas as suas ressonâncias.

Zeca Baleiro e Zimbher | Qualquer prego
A parceria entre o artista maranhense e Zimbher, que nasceu em Brasília, mas também é filho de pais maranhenses, iniciou em 2015, quando Zeca cantou a música de Zimbher “Então tá”, no disco “Homem nu”. De lá para cá a dupla de artistas vem compondo juntos, tendo chegado até o momento a duas canções finalizadas. “Qualquer prego” trata, com humor e alguma sofrência, da desventura amorosa do protagonista, que tem sua paixão renegada por seu objeto de desejo.

Felipe El | Chão da Praça
Refletindo sobre a importância de exaltar a obra dos nossos antepassados, o cantor e compositor Felipe El revisita o acervo carnavalesco de Moraes Moreira e estreia o projeto “El canta Moraes”. O primeiro single do projeto a ganhar o mundo é “Chão da Praça”, faixa que conta com a produção de Miguel Freitas, via selo Candyall Music, do mestre Carlinhos Brown.

Janine Mathias | Devoção
Três anos depois de divulgar “Dendê”, seu primeiro disco solo, Janine Mathias apresenta single que abre caminhos para o seu próximo trabalho. A faixa, que promete agitar aquela boa roda de samba, tem letra assinada por Rodrigo Paulo, Léo Fé e Nego Chandi. Interpretando essa canção, Janine reverencia a arte ao qual se entrega – em plena maternidade – em um exercício de celebração ao passado, presente e futuro.

Diogo Strausz | Flight of Sagittarius
Produtor responsável por grandes discos da “nova MPB” dos últimos anos, Strausz prepara para 2022 o lançamento do seu segundo álbum autoral. Neste primeiro single, o artista mostra parte do caminho dançante para onde aponta neste novo trabalho.

Caburé | Si-Querência
Autoconhecimento, autoamor, aceitação, essas foram algumas das palavras ouvidas durante o primeiro ano da pandemia de Covid-19, que assolou o Brasil e o mundo. É essa também a tônica do EP “Si-Querência”, da banda paraibana. Tudo isso, porque muitos de nós vivemos o desafio de ficarmos sozinhos em quarentena (alguns acompanhados de familiares e amigos) e fomos convocados a lidar com demônios e dúvidas. A faixa conta ainda com participações de Aíla, Totonho e Val Donato.

#cinema

Festival do Rio
Até 19/12
Valores de acordo com cada cinema
O Festival do Rio está de volta às sala de cinema e nesta última semana ainda dá tempo de conferir a Première Brasil traz filmes como “Medida Provisória”, de Lázaro Ramos, e “A viagem de Pedro”, de Laís Bodanzky. Vale ainda conferir “Eduardo e Mônica”, inspirado na famosa música do Legião Urbana, e o Documentário “Pele negra, justiça branca”.

#visuais

Tunga: conjunções magnéticas
Até 10 de abril de 2022, terça a domingo 11h às 19h
Grátis
A mostra celebra a produção artística de Antônio José de Barros Carvalho e Mello Mourão (1952-2016), o Tunga. O artista, dono de um universo imaginativo único e de uma produção refinada, é figura emblemática das artes visuais do país. A exposição, que entra em cartaz no sábado 11 de dezembro e tem curadoria de Paulo Venancio Filho e correalização do Instituto Tunga, propõe uma retrospectiva que apresenta a extensão da obra de Tunga em consonância com sua prática e sua poética plástica.

Brasilidade Pós-Modernismo
Centro Cultural Banco do Brasil de São Paulo
15 de dezembro e 7 de março de 2022
Grátis
Celebrar o centenário da Semana de Arte Moderna de 1922 e lançar luz aos traços, remanescências e conquistas que o movimento trouxe, no decorrer dos últimos 100 anos, às artes plásticas do Brasil e refletir, a partir da atualidade, sobre um processo de rever e reparar este contexto.  Este é o objetivo da mostra, com curadoria de Tereza de Arruda. A exposição chama atenção para as diversas características da arte contemporânea brasileira da atualidade cuja existência se deve, em parte, ao legado da ousadia artística cultural proposta pelo Modernismo. Nuances que o público poderá conferir nas obras dos 51 artistas de diversas gerações que compõem o corpo da exposição, entre os quais Adriana Varejão, Anna Bella Geiger, Arnaldo Antunes, Cildo Meireles, Daniel Lie, Ernesto Neto, Ge Viana, Jaider Esbell, Rosana Paulino e Tunga.

#cênicas

A Vida Secreta das Coisas
Até 22 de dezembro
Canal do Youtube da Movicena Produções
O mais recente trabalho solo audiovisual/coreográfico de Mariana Muniz nasceu durante a crise sanitária mundial que nos afastou do convívio social pelo coronavírus. O prolongado tempo de convívio com os objetos da casa geraram uma conexão inusitada com o corpo dançante da artista. Trata-se de um testemunho artístico do que pode revelar a vida sensível e silenciosa daquilo que nos rodeia, e da qual não nos damos conta, por força da convivência automática e apressada que a vida impõe.

Conto de Natal – Um Ballet de Dalal Achcar
Teatro Riachuelo
17, 18 e 19 de dezembro
Quinta a sábado às 20h, domingo às 16h.
Sessão dupla no dia 18/12, às 16h e 20h.
R$ 20 e R$ 80
Com concepção, coreografias e direção geral de Dalal Achcar, a montagem apresenta a história da menina Flora, que junto aos seus amigos, espera pelo Papai Noel na véspera de Natal. Porém, as crianças não aguentam de sono e dormem. Como num passe de mágica, são transportadas para o Polo Norte, numa imensa floresta de pinheiros coberta de neve. Símbolos natalinos e brinquedos ganham cor e vida. Cristais, flocos e bonecos de neve dançam celebrando o inverno e a chegada do Natal. O Príncipe das Neves dá as boas-vindas e mostra o caminho para o Reino de Papai Noel. E assim, começa a aventura das crianças pelos reinos da neve e da fantasia.

#literatura

Síndrome de Cushing
Quem nunca pesquisou um sintoma em um site de busca? Dúvidas relacionadas à saúde nunca foram tão atuais: especialmente nessa pandemia, qualquer tosse ou espirro levantam suspeitas sobre uma possível infecção por coronavírus, ou outros problemas, nos levando automaticamente ao Google para acharmos sozinhos o diagnóstico das nossas dores. E foi por meio desse mesmo mecanismo que a Renata de Oliveira descobriu a doença misteriosa que estava afetando gravemente o seu marido, Renato Lombardi. Foram anos de sofrimento, muitas cirurgias para corrigir fraturas acidentais, diabetes repentina, obesidade e mudanças físicas inexplicáveis até que ela resolveu dar um basta: foi só digitar a expressão “doença do rosto redondo e vermelho” para, em menos de 5 segundos, encontrar o nome daquilo que mais de 10 médicos não souberam identificar: Síndrome de Cushing.

Entes queridos, de Vera Giaconi
Disputas, rivalidades e brigas familiares são temas presentes na literatura de todas as épocas, desde a narrativa bíblica de Caim e Abel até os romances realistas de Tolstói. Não é difícil entender por quê: trata-se de um assunto universal, tão fascinante quanto inesgotável. Prova disso é Entes queridos, primeira obra da autora uruguaio-argentina Vera Giaconi a ser lançada no Brasil, uma coleção de dez narrativas dolorosas que escancaram como o amor e o ódio não são mutuamente excludentes. Pelo contrário, eles podem ser ainda mais fortes quando se encontram unidos em uma relação de sangue, terreno fértil para o afeto – mas também para o rancor.

Clube Por Dentro do Livro
Imagine saber o que pensam tradutores, editores e profissionais do livro que decidem o que será publicado ou não. Essa é a proposta do Clube Por Dentro do Livro, clube de leitura capitaneado pela tradutora, professora e especialista em literatura Laura Folgueira, que fica aberto para assinatura até o dia 20 deste mês de dezembro. Este é o primeiro clube de leitura neste formato a ser lançado no país. Com aulas mensais online e materiais de apoio, os interessados — qualquer um que goste de literatura — poderão adentrar no universo dos livros e entender o que levou aquela obra a estar no mundo.

#séries

Colibri! Apresenta
Chegou a vez do rock tomar seu lugar no projeto idealizada pelos produtores da Colibri!, Victor Machado (el escama) e Ian Bondezan Gigliotti. Com o objetivo de dar palco a jovens compositores, o terceiro episódio traz o jovem Eduardo Pavloski, que complementa sua sonoridade com vertentes do Indie e MPB. O material faz parte de uma série de sete episódios de música inédita e bate-papo sobre os caminhos da composição.

#gastronomia

Aizomê
Para o Natal, a chef Telma Shiraishi oferece opções de pratos que servem até 2 pessoas e que podem complementar a ceia. Destaque para o Brisket de Wagyu defumado em cerejeira japonesa R$280 (600g) e para o Pirarucu ao missô Saikyo Yaki R$180 (450g). Já a Caixa 3 andares Natal (R$990), serve até 4 pessoas e chega na caixa de laca e amarrada em furoshiki.
Encomendas até dia 22/12 às 22h | retiradas e entregas nos dias 23/12 no jantar ou 24/12 no almoço.
pelo telefone (11) 2222-1176,  whatsapp (11) 97247-3862 ou pelo site www.aizome.com.br/delivery

Cervejaria Nacional
Clima de fim de ano e a Cervejaria Nacional, com unidades no Tatuapé e Pinheiros, está preparada e apresenta um kit temático inspirado no folclore brasileiro como sugestão especial de presente para o Natal. Os cervejeiros podem adquirir o conjunto de cinco rótulos que presta uma homenagem às lendas brasileiras nas próprias casas ou no delivery. No caso de pedidos maiores como gifts de empresas corporativas, as solicitações podem ser realizadas via email. Acomodadas em uma cesta, as cinco latas de 473 ml de cervejas clássicas da casa  custam R$ 100 e  R$ 120 pelo Delivery).
Delivery: Rappi, Uber Eats e iFood ou aplicativo próprio https://deliverydireto.com.br/cervejarianacional

Marilia Zylbersztajn
Um bolo francês de frutas secas feito para viajar e uma collab entre a confeitaria que leva seu nome e a Queijaria Rima, de Porto Feliz (SP), são as sugestões de Marilia Zylbersztajn para presentear nas celebrações de fim de ano. Oferecidas à pronta entrega, as novidades estão disponíveis para retirada na loja e para delivery, com entregas em toda a cidade de SP, com encomendas pelo whatsapp (11) 96570-0094. Chamada de Gâteux de Voyage (R$50), a receita apresenta um bolo feito com bastante nozes, damasco turco e laranja cristalizada, em massa enriquecida com açúcar mascavo e cachaça. Embalado com tampa transparente, o bolo pode ser encomendado junto com o Kit RiMa (R$60), que combina uma fatia do queijo de ovelha Guaianá (200g) com um doce de fruta à escolha (300g): de Banana ou de Abóbora com Coco.

Vinícola Campestre
Com a recém-inaugurada primeira loja fora do Rio Grande do Sul, alí em Pinheiros, a Vinícola está com kits especiais para presentear. Além dos vinhos, os kits também compõe taças, abridores e itens da delicatessen.  Na loja o público também encontra os mais de 50 rótulos da vinícola. Destaque para o Kit Piscina (R$180,90), com 1 Bruschette, 1 Tomate Confit, 1 Moscato, 1 Merlot Rose, 2 taças de vinho e 1 cesta; e para o Kit Moscatel (R$ 146,90), com 1 wils berry drops, 1 chocolate dark 66%, 2 taças de espumante, 1 moscatel, 1 moscatel rose e 1 cesta.

Publicidade

João Donato e Jards Macalé por João Atala
Cássia Eller | Reprodução/cassiaelleroficial.com.br



Warning: array_map(): Expected parameter 2 to be an array, bool given in /var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/part/publicidade/outbrain.php on line 2

Warning: array_intersect(): Expected parameter 2 to be an array, null given in /var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/part/publicidade/outbrain.php on line 11

Canais Especiais Hypeness